25 fevereiro, 2007

Goleada à moda antiga

Competição: bwin 06/07 (19ª jornada)
Data: 25.02.2007
Local: Estádio Municipal, Aveiro
FC Porto: Helton; Bosingwa, Pepe, Bruno Alves, Marek Cech; Paulo Assunção, Raul Meireles, Lucho Gonzalez; Lisandro Lopez (Alain), Quaresma (Renteria) e Hélder Postiga (Adriano)
Golos: Lisandro, Lucho, Raul Meireles, Alan e Adriano

Foi digamos que um domingo gordo, aliás, bem gordinho com 5 bolas na conta, depois da última saída de muito má memória (Leiria). E se calhar, ninguém estaria à espera deste resultado, em primeiro lugar, porque os tempos do futebol actual são outros; em segundo lugar, porque o adversário vinha de 5 jogos consecutivos sem perder.

Apesar desta riqueza no resultado final, até ao 2º golo, voltei a não gostar da atitude passiva, aliás, demasiado passiva dos nossos jogadores, parecendo querer fazer ouvidos moucos do que foi dito pelo nosso treinador na rampa de lançamento para este jogo. E não bastando alguns dos nossos episódios recentes, tinham ali mesmo à mão o exemplo do Aves em Alvalade. Sinceramente, não sei para que gostam assim tanto de complicar o que é fácil… adiante.

No inicio do jogo, parecia que os nossos jogadores andavam ali assim pró surpreendidos com a rapidez e simplicidade de processos dos aveirenses, que conseguiam chegar com relativa frequência à nossa baliza, e quase sempre criando perigo, umas vezes por mérito, outras vezes por demérito nosso. E então, fomos andando neste ritmo até cerca dos 15 minutos.

A partir daqui, com as marcações mais apertadas, começamos finalmente a tentar impor o nosso jogo, até que aos 18 min, sem que ainda nada tivéssemos feito para o merecer, na primeira oportunidade criada, golo! No seguimento de um livre-cruzamento marcado por Quaresma, de cabeça Pepe coloca a bola no 2º poste para Lisandro se limitar a encostar o peito (!) e inaugurar o marcador (0-1).

Nesta altura, já os aveirenses tinham perdido aquele fulgor inicial, enquanto que os nossos jogadores já conseguiam fazer transições rápidas e muita circulação de bola, aproveitando para desgastar cada vez mais os adversários.

Mesmo sem criar outras grandes oportunidades para aumentar a vantagem, voltamos a ter razões de queixa da arbitragem do habitual freguês, um tal de Bruno ‘Calabote’ Paixão, que contra o que todos puderam ver, fechou misteriosamente (ou não…) os olhos a uma carga de ombro de Alcaraz nas costas (!) de Postiga. Entretanto, estávamos no intervalo.

Para os segundos 45 minutos, apesar de se manter algum excessivo acomodamento ao resultado de 0-1 pelos nossos jogadores, conseguíamos controlar com relativa tranquilidade o desenrolar da partida. Quaresma, como sempre, volta a tentar um daqueles seus remates em arco, que faz a bola sobrevoar toda a defensiva e encaminhar-se para o ângulo da baliza dos aveirenses, até que surge a mão milagrosa de Eduardo para a desviar para canto. Teria sido mais uma obra-prima do Harry Potter. Nessa altura, já Postiga tinha dado o lugar a Adriano.

Entretanto, aos 70 min e no seguimento de um rápido contra-ataque, Lucho faz o 0-2, depois de uma bela jogada de envolvimento iniciado pelo hoje magistral, Raul Meireles. A partir daqui, e de uma forma declarada, passamos a jogar literalmente em contra-ataque e matamos o jogo: aos 73 min, Raul Meireles eleva a contagem para 0-3 e que bem mereceu este golo (!)… aos 76 min, até o mal-amado Alain fez o gosto ao pé e coloca o resultado em 0-4.

Nesta altura, o Beira-Mar já só pedia que o jogo terminasse rapidamente, tal era a frequência de lances de perigo junto à sua área. Estávamos então nos 87 min, quando, qual milagre de Nossa Senhora, alguém (finalmente!!!) descortinou uma grande penalidade a nosso favor, depois de um toque no pé de apoio de Pepe pelo guarda-redes adversário que se preparava já para o ultrapassar e fuzilar a baliza. Neste caso, coube a Adriano marcar a grande penalidade e fechar a contagem para 0-5.

2 jogos, 9 golos!!! Que venha agora o Braga no próxima sábado, e juntamente com ele, a visita do nosso Grande Capitão JORGE COSTA para a homenagem e tributo de todos os Portistas que justamente merece.

azul + : goleada para moralizar, Quaresma entusiasmante, Raul Meireles excelente, Paulo Assunção como um relógio, muito público nas bancadas com bilhetes ao preço de 10 € (!!) e voilá… finalmente uma grande penalidade (justa) marcada a nosso favor!

azul - : Hélder Postiga em claro decréscimo ‘emocional e desportivo’, Hélton por duas vezes aos ‘ovos moles’, alguma lentidão de processos até ao 2º golo, pés de “chumbo” do Renteria e ainda, uma outra grande penalidade que ficou por marcar por derrube a Postiga ainda na 1ª parte.

13 comentários:

  1. boas caros familiares azules...

    bem!!! O que dizer desta victoria??? numa noite agradavel,bilhetes a preços muito acessiveis "10 euros" ... hummm :) mas falando do espetaculo... sem deslumbrar,sem espalhar magia, sem suar muito a camisola, sem a garra de outros jogos.... chapa 5.... bem,quem nao viu o jogo como eu tive mais uma vez o prazer de ver.... diria que foi uma noite de gala,de festa, de aniquilaçao da raça dos ovos moles de aveiro... Mas a verdade é so 1... merecemos ganhar,sem duvida.. porque fomos melhores os 90 e tais minutos... mas a jogar nas calmas... de pontaria afinada é certo "noutros jogos tinha feito um jeitaço" mas mesmo assim confeço.... cheguei a adormecer uma data de vezes... nao me importava que fosse sempre assim,adormecer umas quantas vezes e acordar quase ao fim " e pá,cum catano 4 - 0, e ainda a tempo de ver o 5ºgolo"... mas nao adormeci,estava quase, por varias vezes "tamanha era a avalanche azul a cair em cima daquela nova equipa feita a meio da epoca" mas como vi o jogo todo... confeço que salvou-se o resultado " e de que maneira" mas nao gostei de ver o porto jogar...e certo que ja tiveram piores,mas sinto que ainda tem que melhorar muito pa voltar a jogar ao nivel que ja estiveram esta epoca...


    um abraço para todos voces...

    ResponderEliminar
  2. Estou de peito inchado, chapa 5 é chapa 5, a exibição não foi deslumbrante mas o que conta foram as bolinhas a bater no fundo das redes, 9 golos em 2 jogos não é só bom, é excelente. Acho que a nuvem que pairou sobre nós no início desta 2ª metade do campeonato se está a esvanecer. Vamos ver, mas estou a ficar animado para o que aí vem. Vai ser um mês de Março em cheio e é preciso concentração. O Quaresma esteve em grande, tal como o Pepe.

    ResponderEliminar
  3. Creio que o resultado é exagerado. Acho que 1-3 seria mais adequado mas o futebol é assim quando as coisas engatam é sempre a aviar, no entanto nada de embandeirar em arco e sim tomar como exemplo o que aconteceu ao Sporting após ter marcado 5 golos nos últimos quinze minutos contra o Nacional! É preciso refrear os ânimos e cair na realidade, pois só assim ganharemos o título e bem precisamos dele, para mostrar-mos a nossa razão em relação aos ataques que nos fazem constantemente!Foi bom, foi excelente, mas foi apenas mais uma vitória e nada mais que isso! O futebol é algo de efémero, o efeito de um jogo passa e dissipa-se instantãneamente...O árbitro não conseguiu nada , bem o tentou, mas foi de todo impotente, tal como seria de esperar de alguém que tem o nome que tem! Paixão de quê? De alvíssaras? Um abraço e atenção que o Renteria até sabe qualquer coisa de bola!

    ResponderEliminar
  4. dasssse olha quem nos veio visitar!!!!
    o xeio de xono......entao ja acordas-te e resolves-te vir ao blog???...hehehehe

    vê lá é se bens cá mais vezes....


    quanto ao jogo....venham eles que estamos de volta,apesar de estarmos a jogar com 10 até á saida do "puta(iga)" que não sei o que o manager está á espera para o meter ao lado dele no banco.

    abraço

    ResponderEliminar
  5. Regressado às lides após uma semana de ausência onde em Londres sofri por não estar no Dragão.
    Boa vitória, exibição fraquita mas a demonstrar algum crescendo de forma, Adriano mostra que é importante lá na frente e que era um erro dispensá-lo, mais um penalti por marcar numa fase em que era importante fazer o 2-0, o outro foi marcado pois o resultado era já gordo, enfim, sempre prejudicados.
    Agora é não embandeirar em arco e continuar a trabalhar com humildade pois o que aí vem é complicado.

    ResponderEliminar
  6. dragão azul26 fevereiro, 2007

    Bom resultado, esibição o quanto baste para ganhar por 5-0... mais um penalti por marcar, mais um para a estatistica, Postiga não marca mas marcam outros.
    Venha o proximo e como o proximo é o Braga de Jorge Costa espero bem que não estrague a festa de mais uma vitoria, uma coisa tenho a serteza é que vai ficar um penalti por marcar, o da praxe....
    Boa sorte para o "Grande Capitão JORGE COSTA para a homenagem e tributo de todos os Portistas que justamente merece".

    Saudações AZUIS

    DRAGÃO AZUL
    dragao.azull@sapo.pt

    ResponderEliminar
  7. De facto a exibição não foi nada do outro mundo!Valeram memso os 5 golos...
    Na minha opinião não era desadequada a mudança de Postiga por Adriano, é que o brasileiro apesar de não ser um prodígio, é um jogador com raça e que nunca desiste dos lances, além disso, parece ter mais pontaria do que Postiga!
    O que é mesmo importante é não perder mais pontos até ir à luz...nesse cenário iremos mais descontraídos para jogar com os passarinhos!!!

    ResponderEliminar
  8. Concordo com a crise emocional de postiga, n dá uma para a caixa, Meireles está a subir e Lisandro em grande forma. Espero q Adriano volte à titularidade e q Renteria tenha mais oportunidades.
    E eu estou de volta no meu blog dp de uma forte gripe. Um abraço em tons azuis e brancos.

    ResponderEliminar
  9. Haja vergonha. Os nossos jornalistas desportivos da Capital são uma farsa. Ontem na Tvi conseguiram afirmar que o FCPorto teve 3 golos irregulares e mesmo o penalty deixava dúvidas. Uma aberração. Uma farsa montada e que deveria corar de vergonha o País desportivo. O Sr. Luis Sobral afirmou mesmo que o 1º golo do Porto em fora de jogo (!!!) influenciou o resultado. O Porto ganhou 5-0 e só o 2º golo é irregular. O 1º tal como o 3º (os tais que estão em causa) são perfeitamente limpos, no 1º vão buscar um off side de posição que não interfere no lance de Pepe, depois Lisandro já está em posição correcta e no 3º dizem que resulta de um canto que nasce de um off-side q só eles vêm pois param a imagem a meio do passe. Enfim, uma vergonha, mas que preciso de a vincar, CLARAMENTE, aqui. E isto é tão ridículo que até Jorge Coroado defende a completa limpeza destes lances em oposição clara à falta de honestidade do Sr. Sobral. E o penalty que ficou por marcar sobre o Postiga? O árbitro teve dois erros, um para cada lado mas para os cegos vai voltar a Morgadinha e o apito dourado. Pois, pois... O que queriam era uma encomenda igual à do Elmano em Leiria, isso sim, dava muito jeito. Embrulhem!

    ResponderEliminar
  10. atenção aos golos fora de jogo..e ao frango que o guarda redes adeversario deu..so assim e que conseguem ganhar..

    ResponderEliminar
  11. Lucho, é evidente que a nossa comunicação social está completamente controlada pelo vermelho!Basta analisares 1 situação:A semana passada o anão drogado marcou 1 golo que toda a gente viu que foi falta, ainda houve quem tivesse o descaramento de vir dizer que o golo por ser tão lindo não deveria ser anulado (mesmo que fosse falta!)!
    Esta semana vão passar 150 repetições dos lances dos golos do FCP e afirmar que foi fora de jogo!
    Sr.Anónimo,golos em fora de jogo?!?frango do guarda redes?!?Você tem é de ser internado numa clínica para doentes mentais...

    ResponderEliminar
  12. não me digas que querias ser o unico doente mental!!!o anão nunca acusou droga no sangue..por isso nao sei porque lhe chamam anão drogado..voces podem jogar um bom futebol..mas não são os maiores..

    ResponderEliminar
  13. ola presidente e amigos blues;

    os golos nao representa a realidade do jogo....foi do piorrrrr...fraca qualidade...mas o que conta e o 3 poits...
    ainda estou de ressaca....

    ps:postiga!!! acorda pro mundo ok???

    ResponderEliminar