04 outubro, 2006

Cuidado com os lobos, Baía!!

Vem o título a propósito de um artigo lançado pelo Jornal Record NUM AR aparentemente tristinho - coitados, que bem intencionados que eles são - com a passagem de Vítor Baía para a posição de suplente de luxo... e sugerem os bonzinhos que estando na idade em que está, Vítor arrisca a acabar a época e terminar a sua carreira sem glória.

Diz o amigo da onça - Eugénio Queirós - que Baía foi o herói da última meia-final da Taça de Portugal com o Sporting. Nós sabemos perfeitamente - meu caro lobo vestido de cordeiro - tudo isso e quem é Vítor Baía. Sabemos bem e sempre o defendemos contra ventos e marés, enquanto muitos dos que pululam por esses lados, tomavam a posição de concordar com o seu afastamento puro e simples, da Selecção de Portugal e aplaudiam freneticamente as atitudes do inenarrável Luís Scolari.

Na altura todos os guarda-redes Portugueses eram considerados melhores que Baía para esse energúmeno: Quim era suplente do Benfica e foi chamado, Moreira guarda-redes dos sub-21 foi de imediato chamado mal terminou o Europeu disputado aqui no nosso País e o cúmulo atingido de seleccionar o guarda-redes da equipa B do FC do Porto foi encarado por vós com a passividade própria dos eunucos.

Se o facto de a situação de suplente de qualquer jogador não ser motivo de exclusão para os critérios da PFP e dos seus empregados, aí esta a mais bela oportunidade que o Parvo do Scolari tem para dar a mão à palmatória e pedir desculpa pelo que fez nestes últimos três anos a Vítor Baía, convocando-o novamente e pondo-o a jogar na Selecção Nacional como afinal vocês agora reconhecem - embora nas entrelinhas - ser seu direito pleno.

Aqui por estes lados nós sabemos que Vítor Baía é o melhor guardião Português sem nunca retirarmos o mérito aos outros escolhidos, mas soubemos sempre distinguir entre o que era justo e aceitável e o que se transformou numa autêntica perseguição surda mas perfeitamente clara, para quem possui um QI minimamente evoluído e honesto. Daí que eu comece por chamar à atenção do próprio Baía para estes lobos com falas de cordeiro, que só têm para mim um objectivo: tentar semear os ventos da discórdia entre nós, que nunca tivemos duas caras como eles neste conflito de apreciações desportivas.

Vítor Baía tem valor e mérito para continuar por muito mais tempo entre nós e tem um valor acrescido por toda a sua experiência conquistada e imposta e pela extrema dignidade patenteada ao longo destes anos e aí eu corroboro o "bem intencionado" cronista, Vítor Baía até nos momentos menos bons tem a elegância dos predestinados.

Por isso sabemos que ele continuará connosco de corpo inteiro para saltar para o relvado arreganhadamente sempre que tal for necessário e será muito mais importante ainda para servir de esteio e conselheiro aos mais novos e recém chegados dentro do grupo de trabalho!...

1abraço...

8 comentários:

  1. Carrlos Alberto Quaresma oficializou hoje a sua candidatura à presidência do Benfica, com a entrega de uma lista de 365 assinaturas. As críticas a Vieira foram muitas.

    "O senhor Luís Filipe Vieira fala dos árbitros, mas ele está tão corrupto como eles", afirmou à Agência Lusa Carlos Quaresma, sem esclarecer as acusações, continuando a "disparar" contra a actual direcção do Benfica.

    Carlos Quaresma, português radicado na Suécia, lamentou o regresso de Manuel Vilarinho, antecessor de Luís Filipe Vieira na presidência do clube, que foi convidado agora para ocupar o lugar de presidente da Mesa da Assembleia-Geral.

    "Com a vinda de Vilarinho, e com Veiga e Vieira, continua tudo a mesma salada. Isto tem que mudar, não sou eu que mudo, mas os sócios", frisou Quaresma, que se torna assim o segundo candidato às eleições, marcadas para 27 de Outubro, depois de Luís Filipe Vieira ter anunciado há duas semanas a recandidatura ao cargo.

    Outro dos pontos focados por Quaresma para desacreditar a imagem de Luís Filipe Viera foi recordar aquilo que considera os avanços e recuos no discurso do actual presidente.

    "Ele afirmou muitas vezes que não se candidatava se não vendesse os cativos e os kits de sócio, mas afinal é tudo uma grande história. Ele é um bom artista de teatro. Nós benfiquistas é que temos de ver", justificou.

    A ideia da candidatura de Quaresma à presidência do clube "encarnado" surgiu há muitos anos, conforme o próprio confidenciou, acrescentando que chegou o dia para formalizar um sonho antigo.

    "Luís Filipe Vieira não é o salvador da pátria. A minha intenção é devolver o clube aos sócios", disse Carlos Quaresma, prometendo que o seu treinador será o sueco Sven Goran Eriksson, ex-seleccionador inglês e antigo treinador das "águias".

    ResponderEliminar
  2. Sem dúvida Meireles. Tudo o que é elogio vinda daquelas bandas trás agua no bico. Por isso mais vale até nem ligar.

    Um abraço.
    http://www.portistasdebancada.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. ALÉ BAIA ALÉ

    OS MARROQUINOS(MOUROS) TEM E DOR DE COTOVELO ACERCA DO MELHOR GUARDA-REDES DO MUNDO E ARREDORES.
    PENSO QUE NAO VAI HAVER NINGUEM QUE CONSIGA A PROEZA QUE ELE CONSEGUIU.

    AQUELE ABRAÇO DE DRAGAO

    ResponderEliminar
  5. Amigo Blue Boy...que tal uma Taça da Liga no futebol português??
    Passa no Anti-Lampião e diz a tua opinião.

    Um Abraço,
    Tripeiro

    ResponderEliminar
  6. LOL! Ainda não li o artigo porque normalmente não costumo entrar nesse site de merda mas como é sobre o Vítor Baía e foi escrito por alguém que passou os últimos anos a atacá-lo, vou fazer um esforço e vou passar por lá. Vai ser interessante. ;)

    ResponderEliminar
  7. nunca uma carreira como a do Baía, tão grande em extensão e beleza, poderá acabar "sem glória". Baía, o meu ídolo da adolescência, que me partiu o coração até às lágrimas mais amargas quando foi para Barcelona...:) entretranto cresci e percebi-te. e perdoei-te. Grande Baía. olho para ti com a admiração e respeito que dedico só aos Maiores dos grandes.

    ResponderEliminar
  8. Enorme BAIA!Grande BAIA!És o maior.

    ResponderEliminar