03 março, 2012

PORTOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!

http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

sl benfica 2-3 FC Porto

Liga 2011/12, 21.ª jornada
2 de Março de 2011
Estádio da Luz, em Lisboa
Assistência: 18.313 espectadores


Árbitro: Pedro Proença (AF Lisboa).
Assistentes: Tiago Trigo e Ricardo Santos.
Quarto árbitro: João Capela.

BENFICA: Artur; Maxi Pereira, Luisão (cap.), Garay e Emerson; Javi, Witsel e Aimar; Nolito, Cardozo e Gaitán.
Substituições: Rodrigo por Aimar (51m), Miguel Vítor por Garay (71m) e Nélson Oliveira por Javi (90m).
Não utilizados: Eduardo, Matic, Bruno César e Saviola.
Treinador: Jorge Jesus.

FC PORTO: Hélton; Maicon, Rolando, Otamendi e Alvaro; Fernando, João Moutinho e Lucho González; Hulk (cap.), Janko e Djalma.
Substituições: James por Rolando (58m), Kléber por Moutinho (86m) e Sapunaru por Hulk (90m+3).
Não utilizados: Bracali, Cristian Rodríguez, Alex Sandro e Defour.
Treinador: Vítor Pereira.

Ao intervalo: 1-1.

Marcadores: Hulk (7m), Cardozo (41m e 48m), James (64m) e Maicon (87m).

Cartões amarelos: Rolando (21m), Alvaro (24m), Cardozo (45m+1), Emerson (63m e 77m), Helton (90m), Hulk (90m+2) e Maxi (90m+3).

Cartões vermelhos: Emerson (77m, por acumulação de amarelos).

O Porto desta época, que parece talhado para os grandes jogos, desafios importantes, tem sido assim ao longo desta época, nem sempre com melhor resultado no final dos jogos, mas a personalidade da equipa a estender-se até topo quando precisamos de mostrar quem somos.

Hoje era necessário esse Porto, pressionante, entrada forte no jogo a querer mandar e saber mandar na partida. Mentalmente estaríamos mais capazes para o desafio após em 2 jornadas consecutivas recuperarmos a desvantagem que já todos davam como consumada até final do campeonato. Fisicamente já tudo foi falado, numa semana que os internacionais chegaram na véspera e jogaram a menos de 72h deste encontro.

E o que era necessário aconteceu. 20 minutos iniciais foram fantásticos, apesar de não ter havido oportunidades, entrámos dominadores, com o meio-campo muito bem na pressão a estar sempre bem posicionado e a ganhar constantemente as segundas bolas. E num destes momentos, a pressão exercida na saída de jogo do Benfica a permitir uma recuperação imediata da bola de Fernando, bola metida em Hulk aberto na direita, movimento interior e na esquina da área remate portentoso do Incrível, sem qualquer hipótese para Artur. Entramos a ganhar, como queríamos e porque fizemos por isso. Golo cedo, desde os 7 minutos.

A partir do minuto 20, baixamos um pouco a linha de pressão do tridente de meio-campo, o Benfica começa a ser mais rápido após recuperar bola, fazendo mossa com a sua melhor arma…dinâmica e velocidade em todos os movimentos ofensivos, metendo mais gente a envolver o ataque. Aos 23’ lance para golo de Cardozo, num balão para a área e Hélton a defender o remate fácil do paraguaio. Pouco depois perda de bola de Djalma em zona proibida e e Aimar aparece solto a cabecear à figura do guarda-redes portista.

Quando conseguimos voltar a ligar uma jogada aos 35minutos, a trocar a bola e a arranjar espaço para a bola entrar em Lucho na zona central, o jogador que não tem mais valia técnico-táctica descobre Janko mas o ponta de lança a prejudicar a finalização com a má recepção.

À passagem do minuto 41 surge o golo do empate na sequência de um canto que não conseguimos afastar e permitimos o remate de Maxi que acaba nos pés de Cardozo e fuzila a baliza portista.

Intervalo na partida e nada mais a registar até ao apito de Pedro Proença. Primeira metade com muita intensidade e ritmo elevadíssimo sempre que a bola estava em movimento.

Não houve alterações para a 2ª parte mas teria sido prudente a troca de Djalma por um dos Rodriguez, visto termos esse corredor amarelado.

Entrada péssima do Porto e num livre a meio do meio-campo em zona lateral Cardozo fica sozinho na marca de penalty e cabeceia para a reviravolta no jogo. Golos sofridos de maneira inacreditável, então este último é de bradar aos céus. Decorria o minuto 48.

Voltámos a ver um Porto com mais vontade a ter de correr atrás do resultado e Vítor Pereira assume coragem e o risco de tirar Rolando, fazendo valer a entrada de James, aos 58’. Passava Maicon para a zona central e Djalma a ser dono de todo o corredor direito. Pedia-se então um James ao melhor nível, como tem estado quando é suplente utilizado.

E foi o que aconteceu! Recuperação de bola na área do Porto, lançamento rápido em zona central em James que com espaço pega na bola e faz um movimento de ruptura quase até à área adversária e num movimento simples, toca em Fernando e recebe de imediato já dentro da área adversária e remate colocado de “El Bandido” para empatar novamente a partida aos 64minutos. Eu pedi de imediato Sapunaru no lugar de Djalma para dar mais consistência defensiva. Era necessário até por causa do jogo aéreo.

Estávamos novamente melhor no jogo mas começava a ser um jogo mais partido, o desgaste e os maus posicionamentos a virem ao de cima e o espaço a aparecer para um lado e para outro, tornando o jogo imprevisível. Minuto 78, podia ser momento decisivo com Hulk a sacar o 2º amarelo e consequente expulsão a Emerson.

As fichas estavam do nosso lado, era preciso inteligência e calma na procura dos espaços certos para tentar novamente a reviravolta no marcador.

Jogávamos bem, com calma, a circular a bola de um lado para o outro na procura do momento exacto para espetar a faca.

E espetámos…não foi de bola corrida, foi de bola parada. James com olhinhos, mete na cabeça de Maicon que encosta para o golo do brasileiro. 2-3 e vitórias nas mãos, quando faltavam 4 minutos para os 90’. No momento anterior ao golo, Kléber rende Moutinho num assumir de risco de VP, novamente. Ficámos com mais 1 alteração para fazer e aos 92 sai Hulk e entrou Sapunaru para fechar mais atrás.

O apito final chegou para grande alegria de toda a massa adepta azul e branca!!! Se calhar estou enganado, mas temos pena para todos os que não gostaram hoje da vitória do seu próprio clube! Embrulhem, comam sapos, façam o que quiserem mas a vitória também é dedicada a esses que andam a dizer mal de tudo e todos no decorrer da temporada. Vítor Pereira, já errou e vai continuar a errar porque todos erram. Provou hoje que não teve medo, sem preparação nenhuma montou uma equipa para ganhar, com altos e baixos durante o jogo, arriscou e muito durante o jogo, não quis o empate e quis mesmo ganhar. Hoje és bom, mas tem cuidado, porque os críticos não dormem e quando perderes, vais ser tu e não a equipa.

SOMOS PORTOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
CARALH****************************************************

Notas positivas: A capacidade de chegar à luz e marcar 3 golos, ainda mais depois de estar a ganhar, deixar virar o jogo e ter força anímica e alma para ganhar 3 pontos.

Notas menos boas: Apenas os golos sofridos, da forma que foram, porque de bola corrida nada fizeram. Os momentos durante o jogo foram divididos, eles também têm mérito porque sabem jogar.

Melhor em campo: EQUIPA, UNIÃO, RAÇA…PORTO!



DECLARAÇÕES

Vítor Pereira

"Um jogo difícil, complicado. São três pontos, ainda há muito campeonato para jogar, ainda vamos ter de trabalhar muito para chegarmos ao grande objectivo da temporada. Margem muito pequena, deslocações muito difíceis.
Uma boa vitória, que nos moraliza, parabéns aos meus jogadores, que fizeram uma excelente exibição.
Dedico aos nossos adeptos que vieram aqui apoiar-nos.
Viemos com o objectivo claro de levar os três pontos. Seja aqui, seja em qualquer lado, procuramos os três pontos e com os nossos argumentos e o nosso jogo conseguimos.
Fizemos um grande jogo colectivo. O James é um grande jogador e mais uma vez ajudou-nos".

Lucho González

"Mais uma prova de que este clube fala dentro do campo. Fizemos um grande jogo, sofremos golos por falta de concentração, mas penso que o resultado é mais do que justo.
Tínhamos capacidade quando estávamos em segundo lugar e agora só dependemos de nós. Ainda falta muito campeonato, mas temos muita confiança.
Não fico preocupado com o que pensam os outros, fui muito bem recebido no Porto, pelos companheiros. É melhor cada um falar da sua equipa. Esse treinador tem de pensar mais na sua equipa".



RESUMO DO JOGO

36 comentários:

  1. É favor apagar as luzes para deixar brilhar as estrelas!

    MÁGICO PORTO ALLEZ!

    ResponderEliminar
  2. É favor apagar as luzes para deixar brilhar as estrelas!

    MÁGICO PORTO ALLEZ!

    ResponderEliminar
  3. É favor apagar as luzes para deixar brilhar as estrelas!

    MÁGICO PORTO ALLEZ!

    ResponderEliminar
  4. CARREGA GRANDE PORTO!

    ResponderEliminar
  5. Este resultado deixa-me contente nas à mesma hora passava no Porto Canal uma reportagem que me deixa feliz. Ter visto os meus Amigos que sabem que eu não podia estar ali.

    Um Grande ABRAÇO

    ResponderEliminar
  6. esta, é para ti Vítor Pereira, mereces!!!!

    a partir daqui, da minha boca, nem mais uma palavra, disse tudo o que queria dizer!!!

    ResponderEliminar
  7. tá uma ventania do caralho na sporttv... o filho de 30 putas do Orelhas está a falar!!!

    ResponderEliminar
  8. Orelhas:

    "prometi que não falava de arbitragens... E não vou falar... mas o sr. proença se sente condicionado em apitar o benfique que peça dispensa. O pedro proença sente-se condicionado. Já em Coimbra viram o que se passou... em 10 jogos com o benfique vejam os resultados..."

    sublinho a parte em que ele ladrou que NÃO FALAVA EM ARBITRAGEM!!!!

    mazé pá puta que te pariu...
    cabrão, chupa mais esta!!!

    ResponderEliminar
  9. Tá calmo isto por aqui.
    Deve ser do sol, pois claro.

    Ó Proença, segue o conselho do Tone.
    Nem penses em ir ao ginásio durante os próximos dias.
    Um fora de jogo tão evidente que até Jesus o viu...do banco de suplentes.
    Então o gajo não estava online?

    Ó Macedo, agenda já uma reunião para segunda-feira.
    Eles levam mais um dvd e, se calhar, mais um ou dois livros.

    Bitor, obrigado, muito obrigado.
    Vou nanar descansadinho, sem assobios.

    ResponderEliminar
  10. Os mouros esqueceram-se de apagar a luz?!!!
    Foi tal a vergonha que já não tiveram coragem de fazer “off”…
    Jogo muito intenso quase sempre bem jogado. O FC Porto entrou muito, muito bem. Um espanto! Hulk, finalmente, tirou o coelho (petardo!) da cartola. Eu esperava (sinceramente) que a magia aparecesse. Ele é assim, quando é mais preciso…
    O Porto fazia uma pressão constante, eficaz, não deixando que os encornados construíssem o jogo. Nos primeiros vinte minutos foi assim, sem espinhas.
    No dealbar da 1.ª parte surgiu aquele golo, o do empate, fruto de ressaltos consecutivos à entrada da área azul-e-branca e um golo de sorte da papagaio… perdão do paraguaio. Depois Rolando e a defesa portista consentindo outro golo com o qual fomos a perder para o intervalo.
    Na 2.ª parte parecia que o benfas iria ter ascendente. Sensação de pouca dura pois Vítor Pereira fez uma jogada de mestre (que bem me sabe dizer isto…): tirou Rolando, deslocou Maicon para o centro da defesa e colocou Djalma como defesa direito. Muito bem e, mais importante, surtiu efeito. James foi fundamental: pôs em campo a sua categoria e esteve nos dois golos que deram a vitória ao nosso FC Porto.
    Destaques, para além de James: Lucho (“não é importante”, disse o masca-pastilhas; pois não, é IMPORTANTÍSSIMO); Moutinho (cresceu e retomou a forma com Lucho em campo; não tarda nada vai acertar num daqueles livres que tão bem marca); Helton (sem culpa nos golos, esteve bem, seguro, eficaz); Maicon (o “mal amado” já é muito amado por grande maioria dos adeptos; que grande jogador ali temos!; o lugar de Rolando é dele, não tenho dúvidas); Djalma (já li crónicas muito críticas; eu sou de opinião contrária; Djalma cumpriu e, por vezes, muito bem).
    Agora temos pela frente oportunidade de manter o nível demonstrado hoje pela equipa e consolidar a nossa posição no Campeonato. Vítor Pereira que continue a acertar.
    Sobre Vítor Pereira: O QUE ESTÁ PARA TRÁS ESTÁ ACABADO, O QUE DISSE DO TREINADOR VOLTARIA A DIZÊ-LO SE AS CIRCUNSTÂNCIAS SE REPETISSEM. MAS, APÓS ESTE JOGO, TAMBÉM EU NÃO VOLTAREI A DIZER SEJA O QUE FOR DO VÍTOR PEREIRA. QUE SEJA FELIZ NAS DECISÕES QUE TOMAR, SE NÃO O FOR NADA DIREI.

    FORÇA PORTO!
    BIBÓ PORTO!

    ResponderEliminar
  11. um momento pf, agora é a vez do calão do JJ que está a ladrar.

    vamos lá então às calinadas da besta:

    "Tarceiro golo..."

    "Os jogadores do benfique não mereciam sair daqui pardidos..."

    "Lances alheios ao jogo..."

    "Meia verdade..."

    "Dou sempre margens..."

    "... fiz 2 substituições esforçadas..."

    "Pele nao quis ver o fora de jogo..."

    "... darrotado..."

    "... parcebe?"

    "O benfique não pode cantrolar o tarceiro golo..."

    "Empartancia..."

    "Vou-me repetir outra vez..."

    "... ele viu tudo... ele sabe parfeitamente na consciência dele..."

    "... ratrospetiva..."

    "... ao intrevalo, avisei o Emerson que o Hulk ia forçar o segundo amarelo..."


    e ficamos por aqui, que para ouvir esta besta, é preciso um estômago do caralho... fodasse lá mais pró mentecapto do atrasado.

    das calinadas habituais dessa besta, rio-me que é para não chorar, mas para a merda de clube, e merda de adeptos, só mesmo um treinador da merda, burro que nem uma porta... o típico adepto do benfique.

    ahhhh, é verdade, a besta do acéfalo, diz que avisou o Emerson ao intervalo que o Hulk ia forçar o 2º amarelo... mas o panão do brasileiro, não levou os 2 amarelos na 2ª parte?!?!?!?

    óh Jasus, vai inventar pá ganda puta que te pariu!!!!!

    ResponderEliminar
  12. principal consequência desta jornada... os defensores da verdade desportiva, já falam de arbitragens!

    entre tanto patétismo típico do adepto do benfique, só mesmo aconselhá-los a que não se atropelem, porque a 5ª pata do cavalo, chega para todos vocês!!!

    ResponderEliminar
  13. Com o pior treinador do mundo,com alguns dos dos mais horríveis jogadores à face da terra,o resultado foi este...uma vergonha ganhar aos encornados por apenas 1 golo de diferença...e 3 golos ilegais segundo os atrasados mentais da verdade desportiva...faltam me as palavras neste momento...apenas dizer k chupem chupem chupem chupem na 5 pata do cavalo a todos os encornados...

    ResponderEliminar
  14. Choram baba e ranho os mamões que usufruiram pontos de maneira inglória, afirmando por via disso que não comentavam arbitragens!!!!
    Hoje como levaram no esfincter, não falam de outra coisa senão do 3º (grande) golo do Maicon!!!!
    E já agora, VP de quem sou abespinhadamente critico, deu uma banhada no catedrático das chicletes!!!
    Belissima leitura de jogo, e arriscou quando muitos treinadores se acomodoriam!
    P.S: foi um golo em fora-de-jogo ou foi um grande frango do mais melhor bom guarda-redes Artur?

    ResponderEliminar
  15. Grande VITORIA! Parabéns a toda a equipa do FC PORTO! Estou super contente, e sinceramente eu era um dos que criticava o Maicon, mas ele nos ultimos jogos tem me calado, e ainda bem... AMO-TE PORTO!

    ResponderEliminar
  16. Hoje eu vi! Vi, bem longe, os punhos da revolta erguidos, ouvi os gritos da honra entoados, vi, bem alto, esse estandarte desfraldado, iluminado pela luz da glória. Hoje eu vi! Vi o "acredito", o "eu consigo", o "eu sou capaz". Vi o "não desisto", o "não me conformo", "não aceito". Hoje vi e revi-me em tudo aquilo que acredito e que sou...vi a personificação de uma região e de um povo, vi o nome da "MUY NOBRE E INBICTA" cidade do PORTO lutar por uma causa, por um objectivo, por uma convicção. E quando me questionam porque é que sou PORTISTA, respondo que nunca o haverão de saber, pois não sabem o que é: SENTIR PORTO. Está sempre muito mais além do que meras palavras...esta é a minha dedicatória, não aos portistas, mas aos que SÃO PORTO!

    ResponderEliminar
  17. O mesmo fiscal de linha não viu um penalti clarissimo do cardozo k ajeitou a bola com a mão...foi um penaltie tão grande como os cornos do filho da puta vieira...o mesmo filho da puta k há umas semanas disse k a arbitragem este ano estava excelente...agora os árbitros já são uns aldraboes...cambada de anormais...

    ResponderEliminar
  18. Uma correcção ao meu comentário: claro que não fomos a perder para o intervalo; estávamos empatados.
    Esqueci-me de também destacar: FERNANDO (simplesmente GIGANTE) e ÁLVARO PEREIRA (muito bem na ajuda ao ataque).
    Abraço.

    ResponderEliminar
  19. grandes.....maicon enorme...fernando gigante....james 1 fora de serie e vitor pereira mt obrigado pela coragem e vontade de ganhar, hoje calou-me!!!!

    ResponderEliminar
  20. Grande vitória!
    Parabéns, se me permitem, de modo especial ao nosso técnico, tão atacado e criticado, tem sido.

    Já tinham encomendado as faixas e agora, como as coisas não são bem assim, lá estão eles, os tais que não criticavam os árbitros, a atirarem-se a eles com tudo. E a fazerem um filme que é pura ficção.

    Abraço

    ResponderEliminar
  21. Vencemos, pois, mais uma vez no estádio da Luz, no salão de festas do F. C. do Porto, onde até os anfitriões costumam apagar a luz quando toca de dar os parabéns aos vencedores... Então, para não variar, desta vez e mais uma vez o F. C. do Porto foi a Lisboa superar o mesmo adversário mais directo.

    Sem margem para dúvidas, apesar dos benfiquistas se desculparem com um hipotético fora-de-jogo, quando eles foram beneficiados em lhes haver sido perdoado um primeiro penalti que se viu, esse cometido sobre Hulk, ainda antes da bomba com que este respondeu, depois; tal como mais uma expulsão foi perdoada ao Cardoso, o qual inclusive fez um outro penalti que ficou por marcar, o segundo, curiosamente tocando a bola com o braço por duas vezes seguidas. Sem se poder esquecer que o segundo golo encarnado nasce de um livre por uma falta que não existiu. Afinal como é? Quer dizer, de tão habituados que estão a ser ajudados, os benfiquistas protestam sempre que não têm tantas ou todas as ajudas ?!

    De nada valeu a marcação do jogo para esta sexta-feira, tentando ganhar vantagem - que afinal saiu ao contrário.

    No fim de contas o F. C. Porto fica isolado no 1º lugar, põe os adversários a correr atrás, com a pressão maior de seu lado, e responde da melhor forma. Para a história fica: Na noite de 2 de Março, uma sexta-feira de abstinência quaresmal para os derrotados, o resultado foi... Benfica, 2 - F- C. Porto, 3. Com golos do F. C. P. por Hulk, James Rodrigues e Maicon.

    ResponderEliminar
  22. Miguel Monteiro03 março, 2012

    Boa noite caros Dragões,

    Não levem a mal esta minha pequena provocação, mas hoje é a minha noite :-)))

    Assim sendo, gostaria de deixar duas singelas mensagens:

    Uma para os assobiadores e críticos acérrimos do nosso treinador. Se fosse o Mourinho ou o Libras a terem ganho este jogo, eram os mestres da táctica, como foi o vareiro… para esses prozac, xixi e cama.

    Outra para os “comentadeiros” (portistas) que pululam nas televisões, jornais e afins e que só sabem dizer mal – BADAMERDA para eles…

    Um grande abraço para todos e um excelente fim de semana,
    Miguel Monteiro

    ResponderEliminar
  23. Agora mais a frio…

    O FC Porto fez um EXCELENTE jogo…
    Entrou forte na partida, soube controlar todos os momentos de jogo, aguentando a pressão inicial da 2ª parte e não indo abaixo mesmo depois do 2º golo dos encornados… Os últimos 25 minutos foram verdadeiramente alucinantes… o FC Porto encostou os encornados às cordas… VP arriscou e ganhou… Reviravolta de 2-1 para 3-2! BRILHANTE!

    Quanto aos anormais que agora vêm falar de arbitragem… Como é habitual, a falta de seriedade grassa neste país… é incrível a forma como existe falta de seriedade nas análises de arbitragem aos jogos do FC Porto de forma continua e recorrente… É evidente um penaltie de Cardozo, que toca duas vezes com o braço na bola e o árbitro manda seguir o jogo…estava o resultado em 2-2… Sim, no 3º golo, o Maicon está com o corpo inclinado e por isso em fora-de-jogo… Mas, e então se há dois erros graves de arbitragem, um contra cada equipa, como é possível relacionar-se a vitoria do FC Porto com o arbitro?

    Fomos melhores hoje e por isso ganhámos!

    ResponderEliminar
  24. Ai Jasus, só ganho ao FC Porto na “PlayStation”…

    Jorge Jesus, mais conhecido pela “loira masca pastilhas”, defrontou 27 vezes a equipa do FC Porto. O resultado “contabilístico” é elucidativo:
    3 vitórias, 6 empates e... 18 derrotas da “loira”!

    Pelos mouros, o “score” do masca-pastilhas é: 10 jogos, 3 vitórias, 1 empate e 6 derrotas onde se inclui a de ontem brilhantemente imposta por Vítor Pereira e seus pupilos.

    ResponderEliminar
  25. POOOOORTOOOOO
    Só tenho pena o 3º golo de Maicon em fora de jogo não ter sido tambem de mão, depois do jogo do túnel de uma vitória de um golo que precede de um fora de jogo de 5metros, estes encornados mereciam e estavam a pedi-las
    Um abraço ao Bibó Porto e a todos os Portistas

    ResponderEliminar
  26. caríssimas(os),

    se num Passado recente fui lesto a criticar o Vítor Pereira, hoje e porque não sou ingrato, quero agradecer-lhe pela imensa alegria que me proporcionou.
    muitos parabéns!, Vítor!
    (também) mereces o resultado do jogo de ontem!

    somos Porto!, car@go!
    «este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»!

    saudações desportivas mas sempre pentacampeãs a todos vós! ;)

    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar
  27. Bom dia,

    Ontem fizemos um jogo à campeão.
    VP que eu tenho criticado esta época, foi arrojado, arriscou e petiscou.
    O Benfica apenas nos criou dificuldades em bola paradas e foi assim que marcou dois golos.
    Grande jogo de Maicon, o defesa em melhor forma no plantel.
    Nervos de aço de Maicon quando encostou a cabeça a Gaitan, sem cair na tentação de o tombar.
    Desde que foi para o centro da defesa, Maicon anulou Cardozo, e foi a segurança na defesa que nos permitiu partir com certeza para o ataque.
    Grande golo de Hulk, a premiar uma boa exibição.
    James, El Bandido, foi o jogador que agitou a partida e nos empurrou para a vitória.
    Fernando excelente nesta partida, e fantástico na combinação com James no golo do empate.
    É de lamentar a atitude de Maxi no final da partida que cuspiu em James. Vamos aguardar a punição para o uruguaio.
    Lamentáveis a declarações dos responsáveis do Benfica, que se refugiaram nos erros de arbitragem para justificar a derrota. Foi a mais pura lavagem cerebral aos seus adeptos.
    O golo de Maicon é tão fora de jogo como aquele que apontaram em Barcelos.
    http://www.hostthenpost.org/uploads/343f1a6e7865d8d3e81db838935a9e09.jpg
    Também se aguardam punições pelas declarações.

    Fomos inteligentes, soubemos sofrer, lutamos e por conseguinte alcançamos a justa vitória.
    Estes 3 pontos de vantagem não nos garantem o título, mas esta vitória é muito importante do ponto de vista emocional para encarar as restantes 9 jornadas.

    Abraço e bom fim de semana

    Paulo

    ResponderEliminar
  28. Não tenho por hábito comentar, mas li algo na imprensa internacional que me deixou intrigado, sobretudo porque não vi qualquer referência aqui no burgo.

    Por isso, e dirigindo-me aos incansáveis que foram ao salão de festas, gostaria de saber se houve alguma espécie de gritos racistas para com Hulk, o homem que quase furava as redes na primeira bala.

    Cumprimentos

    P.S.: Já agora, deixem-me dizer, do alto do meu fervoroso portismo, que o blog é passagem obrigatória todos os dias. Obrigado por continuarem a partilhar as histórias do nosso FCPorto.

    ResponderEliminar
  29. VERGADOS ao Campeão!
    Ganda joga!
    Um míssil de Hulk, um EXEMPLO de espírito de sacrifico de James, uma cebeçada nos críticos de Maicon! Uma prova de categoria de Vítor Pereira!
    Tudo muito muito bom!
    Agora?! Agora é não perder a concentração.
    Somos PORTO carago!

    Nota - eles espumam-se todos! Ahahahahah

    ResponderEliminar
  30. Foi um jogo bem conseguido, e, é justo dizê-lo, com uma óptima leitura de Vítor Pereira. Confesso que torci o nariz quando vi Maicon de novo na lateral direita, quando me parecia que deveria iniciar a central para contrariar a maior estatura de Cardozo, em relação a Otamendi. Mas percebi a ideia do treinador. Preferiu o equilíbrio defensivo já que a tendência do constante adiantamento de Palito, aconselhava o outro lateral menos subido. Djalma na esquerda foi nitidamente para compensar os avanços de A.Pereira e tentar travar os de Maxi.

    Até nas substituições VP esteve à campeão. Arriscou e petiscou. Eu que não sou um particular fã do treinador dou-lhe os meus parabéns muito sinceros. Espero que este desempenho tenha sido a regra para manter. Se assim for ninguém ousará criticá-lo de novo.

    Justa vitória, conquistada com todo o mérito e muita raça. O caminho fica aberto para a renovação do título, mas é preciso manter os pés bem firmes na terra. Há ainda caminho difícil para desbravar. Não percamos a serenidade.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  31. Parabéns aos milhares de adeptos do FC Porto. Acreditamos sempre. V.Pereira no final, obrigou a equipa a dirigir-se aos adeptos agradecendo todo o apoio que a mesma recebeu, mesmo quando o adversário virou o marcador. Um verdadeiro Dragão, não vira a cara à luta, estivemos lá para o demonstrar. Não imaginam a espectacularidade de toda aquela falange de gente a invadir o Apagão, com as bandeiras azuis e brancas. Mete medo e respeito a qualquer adversário. Fantástico.
    V.Pereira percebeu bem o incentivo e o apoio que vinha da bancada, e mudando a tracção cilindrou o adversário.
    Parabéns mister...pela coragem demonstrada, ao colocar a carne toda no assador, enfrentando o adversário de peito aberto.
    É na contrariedade que se forjam os grandes homens.

    Não consigo parar de me rir a imaginar a cara dos "VIPS", que pediam as cabeças do técnico, de Maicon, de Fernando, de Djalma e de Otamendi.

    Para eles o meu grande AHAHAHAHAHAHHHH.

    Se não ganhas por pontos, ganhas por nok-out. Mister, nunca se esqueça disso!

    O sonho continua a comandar a vida. Carrega PORTOOOOO.

    http://portodragoinfire.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  32. APAGUEM AS LUZES!!!!!!

    ResponderEliminar
  33. Em resposta ao Cesar Santos: Infelizmento nao fui ao salao de festas do FCP, mas ja vi um video na net, em que os adeptos do 5lb gritam por HULK (canticos racistas foi como a comunicaçao social disse no Porto vs Manchester city), por isso sim houv atitudes racistas.
    Mas na realidade o video esta fantastico puq e' gravado na bancada central e ouve.s os adeptos a chamar hulk, e o Incrivel dispara a 108 km/h e eles calam.s todos.

    ResponderEliminar
  34. Vejam este link:

    http://www.youtube.com/watch?v=C9llfvXbPAA

    O Janko não é um Falcao, mas tem o seu sentido de humor apurado. lolol

    ResponderEliminar
  35. Suficientes, por agora , todas as euforias desta vitoria portista na mouraria . Ganda passo em frente !

    Dom 4-3 , acabam de ver o russo que tem a mania de vir aqui deixar-nos sem treinador, d 1 dia p'ra outro , viu da sua massa ir por agua abaixo, e o seu clube a dizer (Bye-Bye) , ao dar o muito esperado (Kick on the ass) ao "nosso" (fdx) £ibrinhas , q se meteu em casaca q lhe ficava grande , e que agora ainda cobra por ser mandado (como aqui vai sendo palavra de ordem), p'ró mesmissimo caralho !!!
    E agora , será que ven de cabeça baixa e rabo entre as pernas ver se o mestre Pintão o restitui aqui?
    Até, se tivesse sido antes,podia ser. Mas agora, faria mesmo tanta falta nomear o £ "filho prodigo" ?

    Como no final do "Pedro Navaja" do Ruben Blades :
    La vida te dá sorpresas
    Sorpresas te dá la vida

    ResponderEliminar
  36. Maneiras de dizer a mesma mensagem...

    Os britanicos , c/ gratidão por cima:
    "Andre Villa-Boas has parted company with Chelsea Football Club today. The board would like to record our gratitude for his work and express our disappointment that the relationship has ended so early."
    http://bleacherreport.com/articles/1090107-chelsea-fc-news-andre-villas-boas-reportedly-fired-by-blues


    Na Espanha iria tudo numa só frase:
    YA, tio maricon,vé a tomar por culo !

    Os argentinos talvez dissessem :
    Pelotudo,vós, andá a lavarte el orto!

    E como será no Porto ? Com festa nos "Aliados" ... Abraços e boas-vindas?


    TODAS SE PAGAM , TANTO POR RUSSOS COMO POR "JUDAS"... Todas sem falta !

    ResponderEliminar