13 março, 2016

GOLAÇO DE ANDRÉ SILVA NO REGRESSO À LIDERANÇA.

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

OLIVEIRENSE-FC PORTO B, 0-1

Segunda Liga, 35.ª jornada
13 de março de 2016
Estádio Carlos Osório, em Oliveira de Azeméis


Árbitro: André Moreira (Leiria).
Assistentes: Nuno Vicente e Rui Freire.
Quarto árbitro: Nuno Pereira.

OLIVEIRENSE: João Pinho; Renan, Sérgio Silva, Luís Martins e Kaká; Godinho (cap.), Guimarães e Zé Pedro; Leleco, Brou e Oliveira.
Substituições: Oliveira por Ansumane (58m), Godinho por Serginho (64m) e Zé Pedro por Rafa (84m).
Não utilizados: Rapahel Mello, Marocas, Stephane Madeira e Bruno Sousa.
Treinador: João Bastos.

FC PORTO B: José Sá; Víctor García, Verdasca, Palmer-Brown e Rui Moreira; Tomás Podstawski, João Graça e Sérgio Ribeiro; Gleison, Leonardo Ruiz e André Silva (cap.).
Substituições: João Graça por Fede Varela (69m), Gleison por Cláudio (74m) e Sérgio Ribeiro por Nassim Zitouni (90m).
Não utilizados: João Costa, Rodrigo e Jorge.
Treinador: Luís Castro.

Ao intervalo: 0-1.
Marcadores: André Silva (44m).
Disciplina: cartão amarelo a Víctor Garía (25m), Leleco (55m), Graça (55m) e Sérgio Silva (73m).

Com um golaço de André Silva, aos 44 minutos, o FC Porto B regressou, este domingo, às vitórias ao bater a Oliveirense, no Estádio Carlos Osório, por 1-0, em partida da 35.ª jornada da Ledman LigaPro. Com este resultado, os “bês” assumem novamente a liderança isolada da competição, somando 63 pontos, mais dois do que o Feirense (era líder à condição após ter vencido o Benfica B no sábado) e mais quatro do que Famalicão e Chaves, que têm menos um encontro disputado.

Não foi um início de jogo fácil para o FC Porto B, com as contrariedades a surgirem logo no aquecimento, com Ismael Díaz a lesionar-se e a dar o lugar a Leonardo Ruiz. A Oliveirense entrou melhor no encontro, aproveitando o estado lamentável do terreno para fazer um jogo mais direto e criar algum perigo junto da área portista. Os “bês”, com o seu estilo bem identificado, procuravam gerar jogadas de entendimento e, já depois de duas boas defesas de José Sá - a um livre direto de Oliveira (26m) e a um remate de Godinho (39m) -, chegou o momento alto da primeira parte, aos 44 minutos. André Silva recebeu um passe de Rui Moreira, a bola ainda foi intercetada por um defesa e ficou a saltar em frente ao avançado português, que “encheu o pé” e fez um golo verdadeiramente espetacular, o seu 14.º na competição.

Com 1-0 ao intervalo, a equipa da casa e última classificada da competição voltou a entrar a todo o gás, mas sem grandes efeitos práticos. Os “bês” voltaram a equilibrar as operações e Gleison, aos 65, podia ter aumentado a contagem, numa jogada individual que redundou num remate por cima. Grou respondeu logo de seguida, com um remate ao lado, e André Silva viu ser-lhe anulado um lance em que seguia isolado por um fora de jogo que deixou algumas dúvidas (71m). O azar bateu novamente à porta dos Dragões aos 74 minutos, com a lesão de Gleison (substituído por Cláudio), numa altura em que os comandados de Luís Castro apostavam mais no ataque rápido para tentar chegar à baliza da Oliveirense. O resultado acabou por não sofrer mais alterações e os azuis e brancos voltaram às vitórias após três jogos sem conseguir amealhar os três pontos.

O próximo encontro do FC Porto B é frente ao Desportivo de Chaves e está agendado para quarta-feira, às 15h00, no Estádio de Pedroso. Pode encontrar aqui toda a informação sobre os bilhetes para a partida, que será transmitida em direto pelo Porto Canal.

fonte: fcporto.pt



RESUMO DO JOGO

-----

0 comentários:

Publicar um comentário