01 setembro, 2015

OFICIAL - LAYÚN CHEGA POR EMPRÉSTIMO DE 1 ANO COM OPÇÃO DE COMPRA.

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

Miguel Layún: “Estou em plena maturidade”

O mexicano Miguel Layún é o derradeiro reforço do FC Porto neste mês de Agosto, por empréstimo de uma temporada dos ingleses do Watford, com opção de compra fixada em seis milhões de euros. O mexicano, de 27 anos, garantiu ao Porto Canal e www.fcporto.pt que está em “plena maturidade” e que vai dar em tudo em campo, até à “última gota de suor”. Para além disso, frisa que a sua polivalência será uma arma ao dispor do treinador Julen Lopetegui, com quem já conversou.

“Sinto-me muito bem, estou feliz por estar aqui e pertencer a esta grande equipa, que está habituada a lutar pelo mais alto, devido à sua grandeza. Estou com muita vontade de começar a treinar, de pôr-me ao nível dos meus companheiros e disputar um lugar no onze”, garantiu Layún, que admitiu que chegou ao ponto alto da carreira. “O presente é sempre o melhor momento, mas, definitivamente, no plano desportivo estou em plena maturidade. Emocionalmente atravesso um momento muito bom e tudo isso ajuda a que o rendimento no campo seja melhor”, acrescentou.

Layún revelou que foi contratado tendo em mente o lado esquerdo da defesa, mas não escondeu a “versatilidade”. “Posso jogar na direita, na esquerda e como trinco. É muito importante que o treinador tenha essa noção, porque vai permitir-me trabalhar muito melhor”, declarou o futebolista, que tem no currículo, para além do Watford, passagens pelos Tiburones Rojos e Club América, no México, e Atalanta, de Itália.

Trinta vezes internacional pela selecção principal do seu país, em que já apontou três golos, o jogador sublinhou, para além da polivalência, a sua “entrega” e “determinação”. “Gosto de ser um jogador que deixa tudo em campo. Depois todos temos virtudes e características diferentes, mas o principal é dar tudo por cada posse de bola e espero pôr em prática a verticalidade que gosto de imprimir ao meu jogo. Somos seres humanos e podemos cometer erros, mas a entrega vão notar”, prometeu.

O novo camisola 21 chega ao FC Porto depois de se ter aconselhado com actuais e ex-colegas: “Sei que é um clube que dá o melhor aos jogadores. Tive muito boas referências, mas isso não ofusca a história do clube, que chama a atenção a qualquer jogador”. Como companheiros de equipa, Layún terá os compatriotas Herrera e Corona.

fonte: fcporto.pt

0 comentários:

Publicar um comentário