12 setembro, 2007

A Alcateia

Recordo perfeitamente, com se fosse ontem, que quando nos juntamos em tenra idade, aos EscOteiros, ficamos a ser lobitos. Aí somos parte de um bando que em conjunto com outros bandos formam uma alcateia.

Existem também, desde os remotos tempos do conto do Capuchinho Vermelho, histórias cheias de terror em que os lobos devoravam pessoas, do Mogli que foi criado por uma loba e até de simples pastores a quem um único cajado bastava para pôr os lobos a dar de frosques.

Mas a alcateia que que cumpre aqui hoje homenagear de certeza que não deseja competir com o lobo do imaginário humano.
Pelo contrário, tem a bem real tarefa de defender o emblema das quinas contra nomes tão sonantes como os All Blacks.
O desporto, penso ser possível de chamá-lo tanto de râguebi como de rugby, é diferente daquele que estamos habituados a tratar neste blog, sendo as regras um tanto ao quanto desconhecidas e tendo até a bola uma forma pouco habitual.

Os comentários foram já efectuados pelos experts e, pessoalmente, até que nada interessou o resultado do primeiro jogo desta equipa , a única amadora na competição. O que verdadeiramente arrepiou foi ver (pena não ser na tv do serviço público - estaria a dar a super-taça em futsal ?) homens de barba rija a chorar enquanto entoavam 'A Portuguesa'.

Tive já a honra de cantar o nosso Hino por um bom par de vezes, em eventos futebolísticos e com estádio cheio. Mas caraças, este, apesar de via tv, foi verdadeiramente de arrepiar.
Este foi de raça, foi de dedicação, foi com humildade, foi com lágrimas.
Foi uma demonstração da Alma Lusitana e um orgulho do tamanho do universo.

Força Lobos... não parem nunca de uivar!!!

Saudações
Estilhaço

ps - Sábado pelas 19h15 não há desculpa. O azimute é pró Dragão. É pra vencer e continuarmos a ser perseguidos. Não vale, nem serve 'fazer o que se pode'. E será ainda tempo de se afinar a voz para a noite de gala de terça-feira.

9 comentários:

  1. Pois amigo Estilhaço aqui ficou a tua homenagem a verdadeiros heróis de uma modalidade q nem acompanho com mt atenção. Será q as vedetas de Scolari vão entoar o hino daquela forma? :)
    Qt ao jogo com o Marítimo não vou ao Dragão, vou ver pela Tv, mas na terça feira estarei no dragão para o FCP-Liverpool. De qq das formas, seja contra quem for, a vitória será sempre o objectivo. E nem sequer Lucílio Baptista, desta vez, mete medo. O FCPorto já levantou voo e só aterra dp da glória.

    ResponderEliminar
  2. De facto Estilhaço, os nosso «lobos» foram uns heróis, carago!
    Ainda ontem, ao navegar pelo YouTube, estive a rever o lance dos nossos 1ºs pontos n'um Mundial de Rugby e ver aquela cara de alegria dos nossos bravos do pelotão, c'um carago, tanta satisfação.
    Mas brilhante, brilhante, foi mesmo rever as imagens a cantarolarem com tamanha paixão e intensidade 'a Portuguesa'... naquele momento, admito, fui PORTOguês!
    Agora venham de lá os sobrenaturais All Blacks, que até os comemos, carago. Bem sei que aquilo vai ser uma luta entre formiguinhas e elefantes, mas que se lixe... perderem por menos de 100 será um um feito único (se recordarmos que uma das potências do rugby, a Itália, levou 70 e tal, tá tudo dito).
    Só peço uma coisa: que voltem a honrar a nossa Pátria de igual forma a domingo passado... e se não for pedir demais, que se esforçem e lutem por ganhar uns pontinhos que sejam no próximo sábado.
    aKeLe aBrAçO,
    http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

    ps - Estilhaço, no sábado, por motivos pessoais (esta m**** de andar a marcar casamentos para dias de jogo do mágico FCP, vai ter de acabar, ai vai, vai!), não vou poder ir ao Dragão... mas 3ª feira, tamos lá carago! (no sitio do costume)

    ResponderEliminar
  3. Pois é Estilhaço, ainda somos surpreendidos pela forma verdadeiramente patriótica que uns quantos envergam a camisola das quinas. Fazendo das tripas coração, num misto de orgulho e prazer por terem as quinas ao peito, os lobos foram indomáveis, lutando bravamente e dando um enorme exemplo a tantos outros, ídolos com pés de barro, mais habituados aos holofotes da fama, mas sem conseguirem o essencial: a admiração de todos nós. Os Lobos, mesmo sem serviço público, cairam no goto, pela atitude, pela raça, pelo espírito indomável. E sim, hoje ao meio-dia lá estarei, especado em frente a um televisor, vendo esse desporto de que desconheço as regras, mas esperando pela nossa vitória: pontuar!

    Abraço,

    ResponderEliminar
  4. Hoje Paulo? ou Sábado pelas 12h?
    Hoje mesmo, só se forem os tais ídolos com pés de barro, mais logo à noitinha na toca do lagarto... e que ninguém me leve a mal, mas como bem sabem (nunca o escondi), enquanto aquele Escarrolari por cá se mantiver, será sempre assim... FORÇA STEPANOV!
    aKeLe aBrAçO,
    http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. O jogo é mesmo no Sábado e logo vamos ganhar porque vai jogar o 'Tijuca'.

    ResponderEliminar
  6. Erro meu. Tenho um calendário com a data do jogo frente aos All-Blacks no dia 12, mas apercebi-me k, infelizmente para mim, é sábado. A essa hora tou a chegar à Marrocos do Sul:)

    ResponderEliminar
  7. Nem o Tijuca nos valeu.
    Não foi a bem, quanto mais a mal...

    ResponderEliminar
  8. Só um promenor:... penso que podiam dar tambem um pouco de destaque à selecção nacional de basquetbol, que pela 1ª vez q participa num europeu (EUROBASKET) estão nas top 12 equipas da europa.. Isto é sem duvida um grande "salto" no basket portugues, que merece todo o destaque da nossa nação!!

    PARABÉNS A SELECÇÃO NACIONAL DE BASQUETBOL!!

    ResponderEliminar
  9. Viva !

    Ando atrasado em tudo ! Mega falta de tempo para escrever, para poder assentar!

    Devido à falta de tempo ( eu não sei como vocês, aí, em Portugal tem tempo. Se calhar têm uma melhor percepção do estar ) escrevo tarde e rápido.

    Vi só o fim do jogo de Portugal. E as imagens finais.

    Meu Deus : Que Vergonha !

    Que Vergonha !

    Um selecionador a dar socos !

    Quando é que em Portugal se compreenderá que em futebol não são individualidades que fazem uma equipa ?

    Mas sim o colectivo !

    Eu acho que o Porto nos anos 80 tinha um colectivo fantástico. Caso não, nunca teria podido ser a primeira equipa a dar uma taça dos campeões europeus a um Norte Africano.

    Salvo erro, Madjer foi o primeiro Norte Africano a ganhar uma taça dos Campeões Europeus.

    Gostei de ver jogar a Polónia e a Sérvia (esta no resumo). Deram a entender que o colectivo é o que conta.

    Pois é : As vedetas são para Inglês ver.

    A revista "Sofoot" dedicou na sua edição on line de hoje / ontem (www.sofoot.com) um artigo à selação. Porquê tal interesse súbito ?

    E pronto : Tou cansado. Uma vez esta "rentree" acabada voltarei ! E aí com mais calma.

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar