06 novembro, 2013

"A equipa vai estar à altura do desafio"

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

Paulo Fonseca espera um jogo "aberto" entre Zenit e FC Porto (quarta-feira, 17h) e traça como meta a vitória na Rússia, em encontro da 4.ª jornada do grupo G da UEFA Champions League. Em conferência de imprensa, o treinador admite que os Dragões têm a obrigação de procurar o triunfo, face à actual classificação do grupo G, que coloca os portistas no terceiro lugar, com três pontos.

"Estávamos a contar com uma equipa fortíssima no Dragão e estamos a contar com um adversário muito forte aqui também. Seja quem for que jogue, acredito que a nossa equipa vai estar à altura do desafio e queremos fazer um jogo para conseguir os três pontos, visto que estamos obrigados a vir aqui tentar vencer, em função dos resultados que tivemos nas jornadas anteriores na competição", afirmou Paulo Fonseca, que desvalorizou a despenalização de Witsel, médio do Zenit.

Paulo Fonseca frisou, por outro lado, que o jogo "tem uma importância grande para as duas equipas", mas que "acaba por não decidir nada nesta fase", visto ainda haver mais duas partidas no calendário da fase de grupos: "Em função do resultado que o Zenit conseguiu no Dragão, acredito que vá, obviamente, tentar fazer um jogo inteligente. Ambas as equipas vão querer vencer, o que pressupõe um jogo aberto, com clara intenção de atacar e estar próximo da baliza adversária". Para o treinador, o FC Porto poderia ter alcançado um resultado bem diferente na partida disputada no Dragão, de há duas semanas, se as circunstâncias tivessem sido outras: "Acredito que, caso o Herrera não tivesse sido expulso, o jogo tinha sido completamente diferente, visto que fizemos frente ao Zenit mesmo com dez elementos".

Em sentido inverso, a partida do campeonato do passado sábado, com o Belenenses, não tem comparação possível com um desafio da Champions League: "Nesta competição há sempre duas equipas que querem vencer, o que não acontece na maioria dos jogos que o FC Porto disputa. Estamos preparados para responder da melhor forma às exigências e sabemos que temos as nossas armas contra uma equipa poderosa. Acreditamos que podemos construir aqui um resultado que cumpra as nossas ambições".

Segundo o treinador, "todos os jogos são importantes" e o encontro de quarta-feira vai ter uma equipa portista a respeitar os seus princípios: "Acredito que a força do colectivo é mais forte que a das individualidades. Não há dúvida de que vamos ter um campo repleto de grandes jogadores e acredito que eles, por força da sua qualidade, também possam resolver o jogo. Nós vamos manter a nossa identidade, tentar defender com qualidade e procurar ter a bola o mais perto da baliza adversária quanto possível".

DANILO: "A exigência é sempre vencer"

O internacional brasileiro Danilo realçou, em conferência de imprensa, a confiança de que o FC Porto tem "todas as possibilidades" de sair da Rússia com uma vitória, na antevisão do encontro com o Zenit, de quarta-feira, às 17h, a contar para a 4.ª jornada do grupo G da UEFA Champions League.

Para Danilo, o jogo não é "decisivo", mas "um resultado que não seja a vitória complica um pouco" a missão azul e branca na UEFA Champions League: "No FC Porto a exigência é sempre vencer. Temos uma disputa mais directa com o Zenit e sabemos que, apesar de ser um encontro complicado, se jogarmos como temos treinado vamos sair daqui com uma vitória". O lateral brasileiro acredita que o adversário tem um colectivo forte e destacou dois jogadores: "É impossível não dar ênfase ao Hulk e ao Danny, que fazem a diferença em qualquer partida. Mas a verdade é que, apesar de termos defendido bem, o Zenit conseguiu chegar ao golo no Dragão através do seu colectivo, que é muito forte".

Danilo crê que as falhas de concentração dos últimos encontros vão ser corrigidas: "A nossa equipa, apesar de ser jovem, tem jogadores experientes. Num jogo como este, o nível de concentração tem de estar elevado e todos estão aptos para corrigir falhas, pois todos sabem das suas responsabilidades. É um esforço individual de autocrítica e acredito que vamos demonstrar concentração amanhã". Segundo o internacional brasileiro, o FC Porto está preparado para jogar contra o adversário na sua máxima força: "Sabemos que há atletas que podem definir o jogo, mas a nossa equipa está focada no que pode fazer e não no adversário. A nossa real preocupação é connosco, porque a responsabilidade é nossa".

O golo de Kerzhakov no Estádio Dragão, que possibilitou ao Zenit vencer na jornada anterior da Champions League, mereceu ainda uma breve análise do lateral direito: "É uma jogada complicada de defender, porque houve uma movimentação contrária e o Hulk foi feliz no cruzamento também. Podíamos ter evitado esse golo, mas esse momento já passou e estamos aqui com a mentalidade de pensar na vitória e fazer uma boa exibição".

fonte: fcporto.pt


LISTA OFICIAL DE CONVOCADOS
Guarda-redes: Helton e Fabiano;
Defesas: Danilo, Alex Sandro, Otamendi, Mangala, Reyes e Maicon;
Médios: Fernando, Mikel, Defour, Josué e Lucho;
Avançados: Ricardo, Varela, Ghilas, Jackson Martínez e Licá.

0 comentários:

Publicar um comentário