07 abril, 2011

«Só um FC Porto no máximo passará a eliminatória»

http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

A advertência foi feita por André Villas-Boas e em conferência de imprensa. O treinador dos Dragões reconhece uma série de predicados ao Spartak e exige concentração absoluta, depois dos festejos da Luz, insistindo que só um FC Porto completamente compenetrado poderá tirar do caminho de Dublin mais um obstáculo russo. A sede de vencer persiste, observa ainda.

Transferência para a competição
«Houve tempo suficiente para a recuperação depois do jogo da Luz e o mais importante, neste momento, é fazer a transferência de um ambiente de festa para a concentração competitiva. O Spartak coloca-nos um desafio ainda mais aliciante e difícil de resolver, jogando num estilo muito próximo do nosso, com muita posse. A dificuldade colocada pelo adversário exige que demos o máximo.»

Exemplos de 2003 e 2004
«Começamos a jogar a eliminatória em casa, o que contraria o nosso trajecto na prova até aqui, e vamos procurar servir-nos dos exemplos das conquistas de 2003 e 2004, em que as vitórias nas eliminatórias eram carimbadas nos jogos fora. E vamos acreditar também que a equipa é igualmente competente a jogar fora como faz em casa.»

Da Liga dos Campeões
«Ganhámos em Moscovo, frente ao CSKA, jogando no sintético, o que agora não será novidade para os jogadores. O CSKA e o Spartak são duas equipas muito fortes e esta vem da Liga dos Campeões com resultados estrondosos obtidos fora de casa.»

Sede de vencer
«O sucesso não é meu, é de todos nós, e quem ganha uma vez tem sempre vontade de continuar a ganhar. Agora é outra competição e outras motivações. Só um FC Porto no máximo passará à fase seguinte. A sede de vencer está presente em todos estes jogadores.»

Ganhar a final
«Já caíram grandes equipas nesta competição e de favoritos passaram a eliminados. Mais importante do que ser favorito, é estar na final e ganhá-la.»

Faltam quatro jogos
As nossas obrigações não mudaram por termos ganho o campeonato, mas temos agora a hipótese de nos concentramos de forma mais intensa neste objectivo. Faltam quatro jogos para garantir a presença na final e todas as equipas em prova sonham lá estar.

Esforço máximo
«O Spartak é uma equipa que gosta de jogar bem e que defende também num bloco muito compacto e curto. Não é uma equipa qualquer e, para o FC Porto passar, terá que esforçar-se ao máximo.»

fonte: fcporto.pt



LISTA OFICIAL DE CONVOCADOS
Guarda-redes: Helton e Beto.
Defesas: Fucile, Rolando, Otamendi, Alvaro Pereira e Maicon.
Médios: Fernando, Guarin, João Moutinho, Belluschi e Souza.
Avançados: Varela, Hulk, Falcao, James Rodriguez, Cristian Rodriguez e Walter.

1 comentário:

  1. Bom dia,

    Esta equipa russa, treinada por Valery Karpin, ex jogador do Celta de Vigo que esteve no jogo dos 7-0 ao Benfica e marcou, é uma equipa de futebol curto, fruto dos muitos sul-americanos no plantel.
    Para chegar aos quartos-de-final o Spartak, que foi repescado da Liga dos Campeões, eliminou o Basileia nos 16avos (venceu 3-2 na Suiça e empatou 1-1 em Moscovo) e o Ajax nos oitavos-de-final (ganhou 1-0 na Holanda e ganhou 3-0 em Moscovo).
    Na Liga dos Campeões o Spartak fez 9 pontos, fruto de 3 vitórias, uma fora por 1-0 diante do Marselha, uma outra em casa por 3-0 diante do Zilina e outra fora diante deste mesmo adversário por 2-1.

    Perderam os outros 3 jogos, um fora por 3-0 diante do Marselha, outro fora por 4-1 diante do Chelsea e finalmente em casa novamente diante do Chelsea por 2-0. Os apurados do grupo foram o Chelsea e Marselha.

    É uma equipa que conta no seu plantel com vários jogadores brasileiros, entre os quais o nosso bem conhecido Ibson. Conta com o perigoso goleador brasileiro Wellinton que na época passada foi o melhor marcador da liga russa com 20 golos, o que contudo não impediu o 4º. lugar no campeonato.
    A jovem estrela da equipa é Jano Ananidze, médio ofensivo de 19 anos, está a causar sensação na Rússia, UEFA Europa League e selecção georgiana.
    Com 1,70m de altura e apenas 60kg, pode ser de estatura reduzida, mas Ananidze já causou sensação na primeira divisão russa. No ano passado, o jovem tornou-se no mais novo marcador na história da Liga russa e, aos 18 anos, este entusiasmante médio já tem experiência em jogos de selecções, UEFA Champions League e UEFA Europa League.

    É uma equipa menos forte que o CSKA, e que está ao nosso alcance.
    Somos favoritos nesta eliminatória.

    Espera-se muito apoio no Dragão para dar-mos um passo decisivo rumo às semi-finais.

    Abraço

    Paulo

    http://pronunciadodragao.blogspot.com

    ResponderEliminar