18 dezembro, 2013

Bom Natal

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

Falta muito
Como é Natal o Rato estava em ideia de pedir uns 'pénaltiezitos' fora do campo mas achou que seria pedir demais.
Contenta-se assim com a chegada do cigano.

O Culatra ainda pensou em pedir uns golitos como o do Jackson dos Arcos mas seria flagrante demais.
Mas que não lhe mencionem sequer a chegada do traidor.

Fica assim apenas o pedido do Bino por uns golitos 'em linha', como o do Lima em Faro, ou do Montero em Alvalade.
E isto porque é Natal.

E enfim, como é Natal e o Tône anda lá pela sua cubata lá prós lados do Brasil e eu desconfio que os estimados leitores aqui do tasco ainda tem que ir comprar, na superfície comercial do oriente mais próxima, as meias ou os chinelos para as prendas da ordem, fica assim aqui um conto (não confundir com 5 Euros) alusivo à época.
Não é estreia, eu sei. Mas, no meio desta tal de austeridade, é o que se pode arranjar.

Um Portista de meia-idade contemplava, como de costume, a imponência do Estádio do Dragão, num belo e tranquilo amanhecer de véspera de Natal.
Pela indumentária azul e branca que orgulhosamente envergava era, naturalmente, alvo da imensa curiosidade dos turistas e visitantes de outros lugares.
Naquele dia com aquele nascer do sol aproximou-se uma jovem que lhe colocou a questão habitual:
- O senhor é o Pai Natal?
- Não menina, sou Portista.
- Portista?
- Sim menina, com muito orgulho!
- Um verdadeiro Portista?
- Mas claro!!!
- Há muitos anos?
- Sim, quase todos os dias faço a minha visita ao Dragão e este retribui sempre a minha dedicação.
- E o que é isso de ser Portista?
- É assistir aos jogos sabendo que a equipa joga sempre para ganhar sem esperar que as coisas se façam por outro lado!
- É lutar contra os invejosos e oportunistas, não viver do passado e acreditar que o dia de amanhã será sempre melhor do que o dia de hoje!
- É dedicar os nossos títulos aos nossos adversários pois sem eles não seriam tão deliciosos e eles sabem que pró ano há mais!
- É saber que as nossas vitórias não são duradouras. Queremos mais. Queremos sempre muito mais!
- É não admitir, de maneira alguma, ser pouco incompetente. Temos que ser sempre competentes!

Entretanto o pai da tal jovem, que se tinha deslocado uns metros para tirar umas fotos, acerca-se e pergunta à filha:
- Então, já sabes o que queres para prenda de Natal?
Resposta pronta da jovem com um sorriso de encher os olhos:
- Sim Pai, quero ser Portista!!!

Até sexta e um Excelente Natal para todos!
E, conselho do Rato, se virem por aí alguém equipado de vermelho e branco não lhe atirem pedras.
É que pode ser o Pai Natal.
Oh! Oh! Oh!

0 comentários:

Publicar um comentário