02 abril, 2009

No dia das mentiras, pela verdade desportiva!

Da impunidade, à usurpação das regras escritas, tudo continua a ser válido na tentativa de ofuscar o brilho da Estrela do Norte Português.
______
Tal como a designada por Estrela Polar norteia os navegadores ao longo dos séculos e ofusca as demais estrelas componentes da constelação denominada por Ursa Menor, assim se dá com o brilho irradiado pela equipa azul e branca em relação à generalidade das equipas da "constelação" do futebol Português.

Os índices de superioridade atingidos e praticados pelo FC Porto são por demais embaraçosos para um país completamente desnorteado e centralizado, que faz tábua rasa e se nivela por baixo, cujo povo e governantes demonstram, não raras vezes, sofrer de flagrantes complexos de inferioridade em relação aos vizinhos europeus.

Por isso lhes faz tanta confusão que uma equipa de futebol se sobressaia entre os níveis consumados da mediocridade. Que trate "por tu", que defronte olhos nos olhos, que tenha por habitat natural, um lugar entre os colossos do futebol europeu, como na próxima semana voltarão a ver.

Longe de conseguirem acompanhar o alto ritmo praticado pelo FC Porto, seus demais consórcios e agentes reguladores, demonstram nítida preocupação em encetarem num quebrar de pernas ao TRI, brevemente TETRA, campeão Português. É sabido que o mínimo "hipotético deslize" do clube do norte, será aproveitado como arma de arremesso em prol da pseudo e já mais que identificada, "verdade desportiva".

Foi ontem conhecida a decisão inédita da Comissão Disciplinar da LPFP em sancionar um jogador por "simulação evidente" de grande penalidade. Adivinhem de que clube é o tal jogador sorteado? E adivinhem já agora, qual o clube entendido por prejudicado? Coincidências...

Referente ao último FC Porto vs SL Benfica, atendendo ao que por aí vinha sendo pedido, a CD da Liga consegue andar a escrutinar imagens televisivas e o regulamento disciplinar, para punir Lisandro Lopes com um jogo de suspensão e 750,00€ de multa, sentenciando-o de simulação num penalty assinalado prontamente, sem tempo sequer de qualquer reacção portista, e a escassos metros da jogada, pelo árbitro Pedro Proença.

No estilo "cirúrgico" a que nos vem habituando a Comissão Disciplinar presidida e pavoneada por Ricardo Costa, debita-se no acórdão do processo disciplinar, mais uma vez, a douta forma de fazer justiça, à "apito finalizado". Vale a pena dar uma vista de olhos.

Entretanto, verdadeiras simulações - essas sim sem margem para dúvidas a olho nu - e até festejadas exuberantemente por outros quando conseguidas, como é o caso de Di Maria qual criança que ganha um chupa-chupa na roubalheira que foi o SL Benfica vs SC Braga da primeira volta do campeonato, flagrante e mais antigo por sinal, para não citar um rol enorme de outros em que até o leão é rei, não são dignos de assinalar por tão doutos justiceiros da CD. Ficamos curiosos para conhecer a exemplar punição que será atribuída agora aos episódios da final da taça da cerveja no Algarve, só por curiosidade.

Dia 1 de Abril, querem dia mais propício para se escrever outra das muitas mentiras dessa tal verdade desportiva? Ao menos, foram algo coerentes, não deixaram de assinalar a data. Propunha que se fizesse um upgrade à conotação atribuída ao dia 1 de Abril, para que se elevasse ao Dia Nacional da Verdade Desportiva...

Entretanto, que vão tentando, que nós vamos caminhando...

22 comentários:

  1. Uma vergonha, que incomoda até alguns que não podem com o F.C.Porto, como é o caso de Luís Sobral. Vale tudo para derrubar o F.C.Porto, mas o Dragão saberá, dentro do campo, dar a resposta que els mercem.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. Vila Pouca, deve existir equívoco em relação ao Sr. Luis Sobral.

    http://www.maisfutebol.iol.pt/noticia.php?div_id=1498&id=1054007

    Lisandro: ridículo, e também grave
    [ 2009/04/01 | 19:43 ] Luís Sobral

    Tenho de começar por reconhecer que me enganei há umas semanas quando disse que o facto de o Benfica pedir a punição de Lisandro era o rídiculo do ano.

    Não era. Ridículo mesmo é a Comissão Disciplinar da Liga ter ido na conversa e castigado Lisandro com um jogo de suspensão.

    Explico o meu ponto de vista.

    O lance está longe de ser óbvio. Não tem, por exemplo, comparação com o golo marcado com a mão por Ronny, do Paços de Ferreira, em Alvalade.

    Não sendo um lance óbvio (o jogador não reconheceu a simulação, por exemplo, e é um facto que existe um braço de Yebda no corpo do avançado do F.C. Porto), a análise da Comissão Disciplinar da Liga é injusta e grave.

    A interpretação que faz dos regulamentos é desproporcionada.

    Neste caso, Pedro Proença estava em excelentes condições para avaliar e foi o que fez. Enganou-se? Sim, mas em muitas ocasiões já foram assinaladas grandes penalidades por menos. E em outras já deixaram de ser marcados «penalties» evidentes. Faz parte.

    A CD partiu da confissão do erro, assinada pelo árbitro, para punir o jogador. Mas não o fez em dezenas de outras situações semelhantes, ao longo da temporada. Isso não se compreende e logo não se pode aceitar.

    Se Pedro Proença considera ter cometido um erro, cabe à Comissão de Arbitragem da Liga puni-lo. E terminar aí.

    A queda de Lisandro é igual a centenas de outras que ocorreram ao longo da época. Umas resultaram em grande penalidade. Outras, fora da área, em cartões amarelos injustos ou até mesmo vermelhos. Também muitas entradas duras ficaram por analisar de forma correcta, mantendo-se os autores de faltas bárbaras em campo, fim-de-semana após fim-de-semana.

    Tudo isto tem sucedido. Porque o futebol também é feito destas coisas e tentação de «judicializar» o jogo é meio caminho andado para o matar.

    Esta decisão é injusta porque fere o critério (?) utilizado ao longo da temporada e interfere, de forma directa, incompreensível e inaceitável, com a verdade desportiva.

    Ou seja, a CD da Liga fez tudo o que não era suposto. E estou à vontade para o escrever porque ao longo destes anos defendi a generalidade das decisões, por me parecerem bem sustentadas.

    P.S.: Agora que a Comissão Disciplinar da Liga decidiu analisar o comportamento dos jogadores que forçam os árbitros a errar, espera-se que Di Maria seja pelo menos chamado à atenção pelo braço no ar a reclamar «penalty» no Benfica-Sporting da Taça da Liga.

    ResponderEliminar
  3. Caros PORTISTAS:
    Já nem tem ponta por onde se pegue as varias decisões deste orgão e desta liga. Realmente não se consegue perceber a razao e a forma como as leis são aplicadas e interpertadas pelos varios intervinientes. A não ser que dessa interpretações e decisões se veja o claro beneficio de uma parte em permanente prejuizo de outra que por acaso é sempre a mesma. Não consigo entender se para a liga o que conta é o acto em si (punivel ou não com a respectiva sanção disciplinar) ou se porventura será a intenção em praticar o acto. Para ilustrar este meu raciocinio estou a pensar no lance em que num cruzamento o nosso Lisandro levanta o braço na tentativa de lhe tocar sem contudo o fazer e a bola ao ir parar aos pés de um outro nosso jogador que faz golo e que o arbitro anula. Será que essa tentativa de chegar á bola com a mão é legitimo de sancionar. Isto porque no lance de penalty contra os encornados qual teria sido a tentativa do frances ao esticar o braço e perna de encontro ao Lisandro. Teria sido para o cumprimentar ou para o derrubar?.Caso haja a organização do nosso clube deveria explorar junto de quem de direito estas incuerencias desta liga. Ou então e caso eles esejam correctos nas suas doutas sentenças agradecia que alguem me esclarecessse.
    Continua a imperar a douta "verdade desportiva " do clube da gayvota depenada.

    FORÇA PORTO CONTRA TUTDO E CONTRA TODOS UNIDOS VENCEREMOS.

    276mqj

    ResponderEliminar
  4. Bom dia a todos, afinal o Dia das Mentiras é quando os FDP da (des)Liga e da FPF quiserem...

    Disciplinar

    Para lá das dúvidas sobre a especialização da Comissão Disciplinar da Liga em física e motricidade humana que o acórdão divulgado ontem levanta, a primeira questão que qualquer espectador de futebol mais ou menos atento coloca perante o inédito castigo aplicado a Lisandro López, por alegada simulação de grande penalidade no jogo com o Benfica, é se este terá sido o primeiro penálti simulado por um jogador de futebol nos últimos dois anos. Afinal, a Justiça a sério deve ser igual para todos. Ora, os regulamentos que punem as simulações foram aprovados antes do início da época 2007/08. Desde então foram assinaladas nada menos que 90 grandes penalidades no campeonato e esta é a primeira vez que os regulamentos são aplicados o que nos deixa duas conclusões possíveis: ou Lisandro foi o primeiro jogador a conseguir simular uma grande penalidade com sucesso nos últimos dois anos, hipótese desmentida pelas sucessivas demonstrações de qualidade dos nossos queridos árbitros, mas também pela memória de vários lances, incluindo o da grande penalidade arrancada por Di María frente ao Braga, para citar apenas um exemplo mais ou menos recente; ou a Comissão Disciplinar da Liga só vê e, o que é pior, só ouve e só actua quando lhe apetece. E, normalmente, apetece-lhe quando o campeonato se começa a resolver...

    Jorge Maia, in O JOGO de 02.04.2009

    FC Porto até à eternidade...

    ResponderEliminar
  5. Apetece-me encher de porrada esses fdp que só vêm para um lado!

    E depois os do tráfico de influências somos nós?

    E os arautos da verdade desportiva são eles?

    Não descanso enquanto não for tetra campeão, para lhes esfregar (mais) um triunfo naquela tromba feia..

    Estou muito revoltado, acreditem. ao menos que consigamos usar estas injustiças para motivar o balneário. que ninguém deixe que os nossos jogadores se esqueçam que são melhores, mas têm que ser muuuuito melhores para conseguirem ganhar o que deve ser deles por direito!

    Um abraço

    ResponderEliminar
  6. Até aqui andamos a fazer uma introdução ao campeonato que só agora vai começar. Preparemo-nos porque tudo vai servir para nos dificultar a conquista dos 3 pontos em cada uma das jornadas que faltam. Vamos estar atentos e não deixar que esse "costinha do castelo" nos "coma" por lorpas. Somos do norte mas não somos "burros" nem "camelos".
    Força FCP.

    ResponderEliminar
  7. Furando o blackaut aos comentarios....

    Desta liga já tudo se espera, só falta mesmo castigar um jogador que falhe um penalty contra nós... por isso tudo normal.

    Nos ultimos jogos teem sido varios os penaltis por marcar a nosso favor, temos ganho os jogos mas os penaltis ficaram por marcar... por isso tudo normal.

    À que favorecer os vermelhos e os verdes, á que levar a disputa do 1º lugar até á ulima jornada, á que fazer as coisas por outro lado, longe das 4 linhas, á que fazer a verdade desportiva que eles querem... por isso nada de novo.

    Estamos a jogar com armas bem diferentes das dos nossos adeverssarios, mas sempre foi assim e sempre ganhamos.

    É importante ganhar o proximo jogo, mas vou ficar atento ao jogos que se vão realizar na Amadora e no Estadio do Mar.


    TRIabraços.

    ResponderEliminar
  8. No comments....
    So uma questao lateral mas ainda relacionada com esse clasico do longincuo 8/02/2009, haverá premio para o Lucho por ter sido um dos baluartes do fair-play e nao se ter atirado ao chao na penalidade escamoteada nesse mesmo encontro?????
    Ah ja sei ...ja teve o seu bonus ao nao ser punido sumariamente por entrada violenta no classico seguinte em que pisou inadvertidamente DErlei....!!!nem nos podemos queixar muito..
    E para a semana retira o 5 amarelos ao Licha porque afinal era mesmo penalty no jogo frente a Naval!?!?!?
    Que a revolta destas e de outras sapientes energumenas e bizarras fraudes da verdade desportiva se reflitam em futebol jogado por aqueles que ostentam as nossas cores...

    ResponderEliminar
  9. É por estas e por outras que eu detesto que o Porto ganhe ou empate com golos de grandes penalidades. Tiram-nos sempre o mérito e como se isso já não bastasse ainda o aproveitam para estes tristes episódios.
    Quereria mesmo o Quique o tal pedido de desculpas do Proença ou já estaria a gozar esta decisão ?!!

    Não que tenha grande problema, vamos a Guimarães e vamos ganhar e toda este sentimento de revolta apenas nos torna mais fortes.

    ResponderEliminar
  10. GANHAR, é esta a nossa missão. Vencer para que esses invejosos e manhosos se sintam cada vez pior.

    Porto, cada vez com mais orgulho.

    ResponderEliminar
  11. Estilhaço não percebi a tua dúvida. Eu disse que até o Luís Sobral, que não pode com o F.C.Porto, ficou incomodado com a decisão e é verdade.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  12. Tens razão Vila Pouca.
    Desculpa, eu é que percebi mal.
    Ainda não tinha tomado o meu cimbalino da ordem :-)

    ResponderEliminar
  13. O técnico do FC Porto declarou hoje em conferência de imprensa que o castigo aplicado a Lisandro Lopez abriu «um precedente perigoso» e afirma que o clube vai estar «atento» a todas as situações de simulação que podem vir a acontecer nos jogos da Liga «principalmente das equipas que lutam pelo título».

    «O Lisandro vai cumprir mais um jogo de castigo por ter simulado dois ‘penalties’. Está a perder 2-0. Contra o Benfica, foi castigado não no jogo pelo árbitro como aconteceu contra a Naval mas sim pela CD da Liga, por supostamente ter simulado uma grande penalidade. Mas, o primeiro erro foi do Yebda, que, como toda a gente viu, colocou o braço no Lisandro», afirmou Jesualdo Ferreira.

    Jesualdo Ferreira acusou ainda Pedro Proença de ter feito uma «má avaliação» e criticou o facto de «pela primeira vez» um jogador ser castigado por «pretensa simulação».

    ResponderEliminar
  14. A sério, a sério mesmo que nem sei por onde lhe pegue... tamanha é a desfaçatez de quem decide arbitrariamente apenas e só num sentido, o de afrontar e caluniar a instituição FC Porto.

    Há muito que a vergonha por aquelas bandas, não passaria de uma mera peça linguistica em forma de substantivo, mas quando eu pensaria que já não conseguiriam descer mais fundo do que onde já se encontravam, esta, acaba a provar-me do contrário.

    O que nos não mata, fortalece-nos!!, pelo que a esses FdP da (des)Liga, recordo apenas que maior que a inveja deles, é a nossa grandeza e essa, por muito que tentem e façam, nunca conseguirão derrubar.

    Em breve, voltarão a vestir a vestimenta de cabeçudos para abrilhantar a festa do TETRAcampeão... é só aguardar mais um pouco, tenham lá paciência!!!

    ResponderEliminar
  15. td se faz p n se falar mais sobre a taça da liga... tudo se inventa para esquecer um triste episodio do futebol portugues... enfm... como tripeiros que somos e com o orgulho q temos de sermos adeptos do maior clube do mundo não nos vamos preocupar c pormenores de secretaria! Vamos sim investir tdas as nossas forças e energias no apoio à nossa equipa para que vençam os jogos que se seguem e sobretudo que se dê uma lição de moral a todos os invejosos.
    Somos um clube que mostra o seu talento onde o tem de mostrar, dentro das 4 linhas.

    podem continuar a tentar denegrir a nossa imagem mas jamais o conseguirão fazer. Somos o povo mais forte!

    Sodani

    ResponderEliminar
  16. Amigos, nao os podemos censurar, senao vejamos, se lermos isto a quente achamos que é uma cabala contra nos (e de facto é), mas ao analisarmos mais a frio, eu percebo que estes castigos têm que ser impostos, nestas fases cruciais do campeonato. Senao pensem: o ano passado iamos a mais de 20 pontos de avanço, tivemos que dar 6 ao lixo, para os fazer sonhar, este ano temos que deixar que castiguem um dos nossos melhores avançados. eu tb se fosse adversário do FCP queria algo que me pudesse deixar sonhar com vitorias. o handicap nao pode ser assim tao grande né.
    Estou convencido que para o ano, o FCP vai expressar desde logo o seu Fair-play, ao entrar so com 10 jogadores nos encontros fora, e apenas com 5 em casa, e talvez marcar um golo na propria baliza logo aos 5 m de jogo. Senao for assim, nao admira que digam que compramos titulos no supermercado, é tao facil ganhar contra mancos.

    Um grande obrigado a esta liga, por olhar sempre por nós. se nao tivessemos este objectivos e motivaçoes externas, nunca seriamos tao grandes e os melhores.

    hASTA

    ResponderEliminar
  17. Vamos aplaudir, os abutres conseguiram, o papá Herminio fez-lhes o favor.
    São estas atitudes de anti-portismo primário que me irritam, o a simulação do di maria frente ao braga não tem penalização? Estas leis e regras existem para serem usadas contra nós, quem não o vê é muito cego.

    ResponderEliminar
  18. esta lei deve ter um ponto em que diz que só se aplica contra o fcporto, alias como muitas outras

    ResponderEliminar
  19. Não estou preocupado com este castigo. Seria muito pior se o Lisandro não pudesse jogar por estar lesionado.

    Não está o Lisandro? Ganhamos na mesma com outro. Só eles (a malta da verdade desportiva) não percebem isto.

    Que mais têm eles na manga? Só isto?

    ResponderEliminar
  20. Viva !

    Mr Cosmos, concordo contigo : Os indíces de superioridade do Porto, relativamente aos seus rivais nacionais, são claramente atestados a nível internacional ( e é claro nacional), desde largos anos.

    Talvez seja esta evidência que desagrade e que seja intolerável para quem não saiba construir e ganhar.

    Como Portuense sempre conheci o peso opressante do centralismo. "Portugal é Lisboa e o resto é paisagem", dizia-se então.

    Verificando os indicadores económicos, acho que a situação não mudou muito. Mas, devido à circulação da imprensa, ser Portista já não é pecado no interior do país ou na emigração. E o Porto lá vai ficando a referência maior !

    O castigo a Lisandro, quanto a mim, abre um precedente. Um precedente relativo ao direito.

    É um castigo que cai antes do jogo do Guimarães.

    Concordo com Blue World : Ganharemos na mesma !

    Todavia :

    Essa duração de tempo que decorre entre a análise e o castigo só pode deixar pensar que estamos não perante um direito público desportivo mas perante um direito privado desportivo. Não sei se me expressei bem : Ou seja, um direito que não sendo público, isto é, equitável para todos, serve de modo parcial interesses privados ( os rivais do Porto).

    Queda, pois, saber se o caso de Lisandro fará ou não jurisprudência.

    Para mim, o penalti é claríssimo e isto sem qualquer imagem vídeo ( sou contra como sabem ).

    Vejamos : Porque é que o defesa não defende mais alto, fora da area ? Aumentamos as balizas ou damos prioridade ao atacante (velho debate) ?

    Porque é que o defesa não tem os braços colados ao corpo ? Parece que queria levantar voo. Até os abutres não precisam de alargar tanto as asas para descolarem . Lol !

    Sabe-se muito bem que basta um pequeno toque para desequilibrar quem está em movimento. Não vou explicar aqui o que é a lei das forças , até porque não sou físico. Mas guardei alguns rudimentos lá da escola :-) !

    Agora é ganhar em Guimarães .

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar
  21. Amanhã é a leitura da sentença do chamado caso do envelope - B.Mar-F.C.Porto. Assim e para que não restem dúvidas, fica o seguinte: J.N.Pinto da Costa, terá sempre o meu respeito, estima e consideração, independentemente, da decisão que o Tribunal tomar.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  22. Para mim o Porto já é TETRACAMPEÃO!!!!!!
    Duvidas?

    Deixem-nos brincar, enquanto se divertem com estas paneleirices, nós estamos mais unidos e continuaremos a ganhar o resto dos jogos!!!!!

    BIBÓ PORTO

    ResponderEliminar