09 outubro, 2009

Agora, escolha!! - semana 8

Emílio Peixe

Data de nascimento: 16-01-1973 (36 anos)
Posição: Médio
Clube anterior ao FC Porto: Sporting
Clube posterior ao FC Porto: Alverca
Situação actual: Treinador da Selecção Nacional de Sub-16

Épocas no FC Porto: 5 (1997/98, 98/99, 99/00, 00/01, 01/02 – parte da época)
Campeonatos ganhos no FC Porto: 2

Pontos de exclamação: Quando se sabe que foi considerado o melhor jogador do Mundial de Sub-20 em Portugal só poderemos abrir a boca de espanto! Era um trinco promissor.

Reticências: Mais um da geração de ouro que se perdeu. Sempre que o via jogar no FC Porto dava-me aquele friozinho no estômago, quase que descambava em indigestão. Os excessos fora de campo também não ajudaram.

Pequenos apontamentos:

  • Chegou ao FC Porto na famosa troca: pega lá Rui Jorge e Bino, dá cá Peixe e Costinha. Ficámos a perder.

  • Em todas as épocas que permaneceu no clube apontou 1 golo.

  • Teve pela frente, na sua posição, Paulinho Santos, Doriva e Paredes, a situação não se apresentava fácil. E não foi, sendo titular regular apenas quando Doriva foi vendido e Paulinho se lesionou gravemente.
Alguns jogadores importantes com quem jogou: Capucho, Paulinho Santos, Jorge Costa, Vítor Baía, Benni McCarthy, Ricardo Carvalho.

Temos Dragão! Mário Jardel foi “brindado” com 79% dos votos (132) dos nossos participantes. Uma distinção mais que justa, na minha opinião, a um dos mais fenomenais Pontas-de-Lança que alguma vez vi actuar. Um especial cumprimento a Jardel por tudo o que nos deu, e foi muito! Comunidade Bibó Porto escolheu, está escolhido.

Na próxima semana serão chamados a votar num jogador com baixo ponto de gravidade, de técnica apurada e sagacidade no passe. Vai-se lá saber porquê mas este jogador não se conseguiu impor na equipa. Daria um título de um filme “De empréstimo em empréstimo até à saída final”. Mora, por ora, em climas mais frescos. Quem será?

Saudações,
Dragon Soul


23 comentários:

  1. Como é Peixe, será uma espécie de sereio???, meio morcão, meio Dragão.

    Assim será: nem Dragão, nem morcão, há um senão.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. Nem dragão nem morcão.

    Discordo de dois pontos no texto:
    1 - Ele não marcou 1 golo pelo Porto, foi um Golão do meio campo, nas Antas...
    2 - Técnicamente pode dizer-se que "marcou" mais um... ainda no Sporting... quando substituiu o GR do Sporting no prolongamento de uma finalíssima da Taça... Penalty! Aloísio! Golo! Fruteira nas Antas... :)

    Para a semana Ibson.

    ResponderEliminar
  3. mas k grande morcao!!!

    ResponderEliminar
  4. Peixe nunca conseguiu afirmar-se no FC Porto. Dele recordo somente um grande golo plo Porto (a quem?) e fundamentalmente a forma como chorava qd tovou o hino Nacional na final sub20 em 1991 na banheira da Luz.

    Tinha qualidades, raça mas Dragão nunca foi e morcão não anda lá muito longe. Leva o meio termo...

    ResponderEliminar
  5. Peixe nunca conseguiu afirmar-se plenamente no FC Porto. Dele recordo somente um grande golo pelo Porto (a quem?) e fundamentalmente a forma como chorava qd tocou o hino Nacional na final sub20 em 1991 na banheira da Luz.

    Tinha qualidades, raça mas Dragão nunca foi e morcão não anda lá muito longe. Leva o meio termo...

    ResponderEliminar
  6. "de empréstimo em empréstimo"

    já não pode ser o Diego...

    ResponderEliminar
  7. É isso, Ibson. O intrusus não falha uma!

    ResponderEliminar
  8. Lucho, o golão do Peixe foi ao Leiria, se não estou em erro...

    Um golo capaz de encher de orgulho o mestre das transições rápidas, Prof. Jesualdo Ferreira.

    Reposição do Vitor Baía, recepção de cabeça do Capucho e chapelada do Peixe...

    De uma baliza às redes da outra em 3 toques... :)

    ResponderEliminar
  9. Para mim, só pode ser morcão!

    BIBÓ PORTO

    ResponderEliminar
  10. Temos aí um Falcao da adivinhação :)

    Saudações

    ResponderEliminar
  11. Nem Dragão nem Morcão...estou bem disposta hoje x) mas tbm não o chamo morcão

    ResponderEliminar
  12. Viva !

    Eu votei nem morcão nem dragão.

    Foi um jogador que nunca entendi bem.

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar
  13. Peixe é morcão.

    Referem excessos fora do campo ?!
    nunca tive conhecimento de nada. De que tipo de excessos se referem ?

    Em relação à próxima semana, eu não me lembraria de referir o Ibson.
    "Mora, por ora, em climas mais frescos." O Ibson não está no calor do Brasil ?
    o Diego também não pode ser porque nunca esteve emprestado.
    hummm

    ResponderEliminar
  14. o ibson foi vendido ao spartak de moscovo por 5m esta epoca

    ResponderEliminar
  15. Eu acho que o Peixe foi um morcão. Não se afirmlou nunca no Porto (nem nos outros 2 menos grandes) ele que foi eleito o melhor jogador do Mundial sub-20 disputado em Portugal.

    O golaço que ele marcou (e lembro-me bem) não chega para apagar os disparates quando foi para as Gayvotas.

    MORCÃO!

    ResponderEliminar
  16. Offshore,
    O Ibson foi vendido para o Spartak de Moscovo, se não me engano.

    ResponderEliminar
  17. Lembro-me bem desse golo que ele marcou, mas... :)

    Offshore, o Ibson anda por terras russas ;)

    ResponderEliminar
  18. Nem Dragão nem Morcão.

    Também me lembro muito bem desse golo do meio campo nas Antas.

    ResponderEliminar
  19. Nem me tinha apercebido... mas este, apesar do voto em DRAGÃO (pelos vistos na minoria), nem sequer tinha comentado... só mesmo por lapso!

    Penso que a este, faltou-lhe sempre aquele clique para se tornar um indiscutivel... mas das vezes que lá correu com as mágicas camisolas listadas de azul-e-branco... sou de opinião que sempre a suou a bom suar... que melhor elogio lhe poderia dar pela sua entrega ao jogo?!

    Portanto, para mim, Peixe, foi... DRAGÃO (ainda que em ponto pequeno).

    ResponderEliminar