16 julho, 2014

SEGUNDA PARTE DEMOLIDORA VALE VITÓRIA NA ESTREIA

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

VVV Venlo-FC Porto, 2-6

jogo de preparação
16 de Julho de 2014.
Estádio SV Vernay, Holanda
Assistência: 2.000


Árbitro: Kevin Blom (Holanda.
Assistentes: ---.

VVV VENLO: Maempaa, D'Alberto, Promes, Balkestein, Fleuren, Altheer, Gijzen, Schroijen, Otsu, Wolters e Khalouta.
Substituições: Verstappen (46m Mäenpää), Leemans (46m D'Alberto), Elito (46m Promes), Nwofor (46m Balkestein), Sevinç (46m Fleuren), Kruijsen (46m Altheer), Ascroft (46m Gijzen), van Crooy (46m Schroijen), Vilters (46m Otsu), Hendriks (46m Khalouta), Donkers (46m Wolters).
Treinador: Maurice Steijn.

FC PORTO: Fabiano; Danilo, Maicon, Lichnovsky e Alex Sandro, Ruben Neves, Evandro, Óliver Torres; Quaresma, Adrián López e Gonçalo Paciência.
Substituições: Ricardo Nunes (46m Fabiano), Abdoulaye (57m Lichnovsky), Carlos Eduardo (46m Evandro), Graça (75m Maicon), Sami (54m Quaresma), Kayembe (57m Alex Sandro), Josué (57m Óliver), Kelvin (54m Adrián López), Opare (54m Danilo), Ricardo Pereira (46m Gonçalo Paciência), Tello (70m Rúben Neves).
Treinador: Julen Lopetegui.

Ao intervalo: 1-0.
Marcadores: Wolters (38m), Leemans (52m, ag), Josué (62m), Ricardo Pereira (67m), Carlos Eduardo (74m), Tello (80m), Sami (81m), Sevinç (89m).
Disciplina: -.

Após duas semanas de treinos, o FC Porto arrancou esta quarta-feira para a nova época com uma goleada (6-2), no primeiro encontro particular. Frente ao Venlo, da Segunda Liga holandesa - mas no pequeno estádio do modesto Venray, perto da fronteira com o Alemanha -, os Dragões até saíram para o intervalo a perder, mas deram a volta ao encontro com uma segunda parte demolidora, em que apontaram os seis golos. Destaque para o reforço Cristian Tello, que marcou um golo no próprio dia em que chegou ao estágio do clube, vindo de Barcelona.

Com bastante calor (28 graus) e 2.000 pessoas a assistir, o FC Porto tomou desde início conta da bola, com o ainda júnior Rúben Neves a assumir o lugar mais recuado do trio de meio-campo e Adrián López a aparecer na esquerda do ataque. A bola circulava de forma rápida entre os portistas e a pressão era efectuada em terrenos bem avançados, mas a verdade é que os vários remates da equipa azul e branca não foram certeiros. O Venlo, que atirou pela primeira vez à baliza contrária aos 30 minutos, acabou por marcar aos 38, por intermédio de Wolters, chegando ao intervalo na frente (1-0).

Ao intervalo, Lopetegui fez entrar Ricardo Nunes, Ricardo Pereira e Carlos Eduardo para os lugares de Fabiano, Evandro e Gonçalo Paciência. O FC Porto protagonizou um verdadeiro vendaval ofensivo, criando várias situações de remate e sendo, finalmente, eficaz, se bem que Maicon aindou acertou na trave, na marcação de um livre directo, quando o resultado já estava em 1-1.

A história desta segunda parte resume-se praticamente aos golos, sendo que o primeiro até surgiu através de Leemans, que desviou para a própria baliza um cruzamento da direita de Carlos Eduardo, aos 52 minutos. O 2-1 foi marcado por Josué (62, num lance em que intervieram Opare e Kelvin) e o 3-1 por Ricardo Pereira, num remate rasteiro (67).

A rapidez nos flancos e as constantes trocas de bola levaram o Venlo a claudicar e o FC Porto (que utilizou todos os jogadores do banco, à excepção do guarda-redes Kadú) não tirou o pé do acelerador. Carlos Eduardo correspondeu ao cruzamento de Opare da melhor forma, aos 74 minutos (4-1), Cristian Tello comemorou a chegada ao clube com um golo, aos 80 minutos (5-1), e Sami, no minuto seguinte a ter assistido o espanhol, fechou a contagem portista, aproveitando uma defesa incompleta do guarda-redes contrário, após remate de Kelvin. O resultado final foi estabelecido por Sevinç, aos 89.

No encontro, não participaram Herrera e Reyes, que chegaram ao estágio na segunda-feira e ainda estão a cumprir um plano especial de treino. Licá continua a contas com uma entorse no tornozelo esquerdo e limitou-se a fazer tratamento, enquanto Helton realizou trabalho condicionado. Os Dragões, que mesmo esta quarta-feira treinaram de manhã, em Horst, mantêm o regime bidiário esta quinta-feira (sessão aberto à comunicação social às 10h00 e fechada às 17h00), sendo que um jogador estará presente numa superflash, às 9h45.



DECLARAÇÕES

Julen Lopetegui: “Estivemos bem colectivamente”

​O primeiro jogo particular inserido no estágio que o FC Porto está a realizar em Horst, na Holanda, terminou com um triunfo expressivo sobre o Venlo (6-2). No final do encontro, Julen Lopetegui revelou ter ficado bem impressionado com o rendimento dos seus jogadores, mas considera que a equipa está numa fase de aprendizagem relativamente aos novos conceitos que vão sendo introduzidos.

“As impressões são positivas, apesar de ser um jogo de pré-temporada. A equipa está a assimilar conceitos novos e estou satisfeito com o que produzimos neste jogo, sabendo que ainda temos um longo caminho a percorrer. Há coisas para melhorar, naturalmente, mas fizemos um bom trabalho em ambas as partes do jogo, sobretudo na segunda, na qual tivemos mais espaço para jogar”, afirmou o técnico basco.

Preferindo não individualizar na análise ao jogo, Julen Lopetegui voltou a sublinhar o sentido colectivo e acredita que a equipa responderá ainda melhor no próximo teste de pré-temporada. “Seria injusto destacar este ou aquele jogador, pois creio que a equipa esteve muito bem colectivamente, e isso é o mais importante. Apesar do cansaço, fomos uma equipa intensa e pressionante, pelo que podemos tirar boas ilações. Vamos continuar a trabalhar para chegar ao próximo jogo ainda melhor a todos os níveis”, concluiu.



RESUMO DO JOGO

4 comentários:

  1. parece ser falso

    ResponderEliminar
  2. Sim é falso.. apenas pegou na lista de jogos e espetou com ela toda agendada no youtube..

    kenji

    ResponderEliminar
  3. podem seguir o jogo aqui:

    http://www.ojogo.pt/jogosemdirecto/jogo.aspx?content_id=4029248

    ResponderEliminar
  4. uma vergonha... um clube com um canal de televisão que nem estes jogos transmite

    é assim que querem aproximar o clube aos adeptos?

    ResponderEliminar