10 março, 2010

Vergado ao peso de uma humilhação

http://bibo-porto-carago.blogspot.com/

assistência: 59.661 espectadores.

árbitros: Franck De Bleeckere (Bélgica), Peter Hermans e Walter Wromans; Serge Gumienny.

ARSENAL: Almunia «cap.»; Sagna, Campbell, Vermaelen e Clichy; Song e Diaby; Rosicky, Nasri e Arshavin; Bendtner.
Substituições: Rosicky por Eboué (57m), Nasri por Denilson (73m) e Arshavin por Walcott (76m).
Não utilizados: Fabianksi, Eduardo, Silvestre e Traoré.
Treinador: Arsène Wenger.

FC PORTO: Helton; Fucile, Rolando, Bruno Alves «cap.» e Alvaro Pereira; Nuno André Coelho, Rúben Micael e Raul Meireles; Varela, Falcao e Hulk.
Substituições: Nuno André Coelho por Rodríguez (46m), Rúben Micael por Guarín (75m) e Varela por Mariano González (75m).
Não utilizados: Nuno, Belluschi, Maicon e Miguel Lopes.
Treinador: Jesualdo Ferreira.

golos: Bendtner (10, 25 e 90m, g.p.), Nasri (63m) e Eboué (65m).

disciplina: Cartão amarelo a Falcao (24m), Vermaelen (38m), Bendtner (44m), Alvaro Pereira (58m) e Fucile (89m).

O final de tarde, ou se quiserem, o principio da noite no Emirates Stadium, ali para os lados da fria e cosmopolita, Londres, tinha tudo para dar certo na ‘pátria do futebol’, na tão desejado por muitos, mas jogada por muitos poucos, a Liga dos Campeões, tão só, a prova do rainha futebol europeu.

Para defrontar os gunners comandados por Arsene Wenger, um FC Porto ferido de ‘morte’, depois de duas consecutivas desilusões internas, ainda para mais, num notório e evidente decrescendo galopante de atitude, raça, vontade e querer.

Ainda o relógio apontava para uns quase 60 minutos em falta para o início da partida, quando recebi o sms ameaçador... Nuno André Coelho nos onze. Surpresa total, misto de ansiedade, misturada com suores frios. Previ de imediato o pior. Agora passado o desatino, infelizmente, não me enganei um pouco!

Mais uma vez, voltamos a sair do Emirates Stadium com uma humilhação de ‘mão cheia’, e de calculadora na mão. Estava visto o que iria acontecer, este ‘actual’ FC Porto, mais não é do que uma manta de retalhos, sem soluções ou opções, e com muita mágoa, digo-o com todas as letras, não mais me consigo olhar ao espelho na vã esperança de me enganar a mim próprio.

O Prof. Jesualdo Ferreira, o ‘meu’ treinador, o ‘nosso’ treinador, entrou definitivamente numa espiral de erros, se calhar diria mais, estará agora, provavelmente, a pagar por um excessivo curvamento do «yes-man», qual colete de forças, do qual não consegue encontrar uma saída.

Não gosto, nunca gostei, nem nunca me ouvirão a bater ‘unicamente’ no ceguinho, volto a dizê-lo, porque tão só não tenho memória selectiva, nem tão pouco sofro de indícios de alzheimer. O ‘meu’ treinador’, que o é ainda até este momento, fez das tripas coração em consecutivas épocas desportivas, deu-nos muitas alegrias, deu-nos conquistas, defendeu-nos com unhas e dentes… e por tudo isso, terá sempre o meu eterno agradecimento e respeito. Nenhum outro, tenho a firme convicção, teria feito melhor, nenhum, mas adiante. Mas como em tudo na vida, há ciclos que se abrem, outros que se fecham. Este, admito, terá forçosamente que se fechar, e a vida continua.

Depois, como disse e muito bem um dos jogadores do Arsenal no final do jogo, o FC Porto foi literalmente envolvido na teia do Arsenal. Todos estaríamos conscientes disso, que tal poderia acontecer, mas fica no ar a ideia de que não o soubemos estudar na perfeição. A prova provada, foi a tal inclusão de Nuno André Coelho numa zona nevrálgica do terreno, onde desde o primeiro minuto, os da casa, fizeram gato sapato, jogando a seu belo prazer, vendo-se o ‘miúdo’ permanentemente perdido sem saber para que lado se virar ou se posicionar. A missão que lhe foi entregue, erradamente (!), foi ingrata, demasiado ingrata.

Se no banco há óbvia responsabilidade nesta entrada e respectivo posicionamento, eu, "culparia" ainda mais Raul Meireles e Ruben Micael, que não tiveram a capacidade de ver que o ‘miúdo’ estava a recuar demasiadas vezes para a zona central do centrais, razão pelas quais deveriam ter tido o cuidado, que não tiveram (!), de encurtar as linhas. Foi por ali que começou todo o descalabro…

Depois, ando a pregar no deserto há muito, mas se calhar sou apenas eu que vejo mal, mas não quero crer. A inclusão de Hulk nos onze titulares. Sem rotinas, sem entendimento, sem velocidade. Vontade muita, é certo, mas não chega. Se fosse isso, o Mariano bastaria. Em face do andamento do jogo, porque não guardar Hulk para o momento mais talhado para o seu futebol, em que ele entraria com tudo, sem se poupar, a esforços? Jogar sem Hulk, num tipo de jogo mais de contenção, aproveitando a vantagem que traziam seria mais inteligente, é verdade que um golo ajudava a tarefa ao FC Porto, mas sofrer nunca era uma boa premissa.

O resultado, pois esse, para quem o viu, não foi completa surpresa, e como na outra, voltou a ficar nesta a sensação que se preciso fosse, mais ainda seriam. Logo ao 2-0, o Arsenal começou com o seu jogo, tranquilo, com posse de bola e em que o ataque faz simplesmente maravilhas com a bola. Mas alguém tinha dúvidas que o assim iria ser?

No meio de tudo isto, voltei a gostar do Falcão, de um Hélton que segurou até quando pode o descalabro, e por fim, Cristian Rodriguez que fez espevitar o ataque durante o período inicial da segunda parte, para depois, também ele, acabar a ver-se envolvido na teia montada pelos gunners.

Tudo isto somado, nos últimos 3 jogos, 10 golos sofridos, apenas 2 marcados, 2 derrotas, 1 empate, (anunciado?) adeus ao título nacional e borda fora da Liga dos Campeões, com tamanho estrondo.

Perdemos e perdemos bem. Agora, e com o presente, é meu entendimento estar na hora de preparar o futuro, com uma nova equipa técnica, com novas ideias, com uma nova mentalidade, mas sobretudo, se calhar, (muito!) menos do estilo «yes-man», mais ambiciosa e que o possa transmitir a jogadores, adeptos e simpatizantes, recuperando a nossa mística de ‘Dragões’, que parece perdida algures num beco qualquer sem saída.

Termino esta triste viagem, relembrando o ditado popular, que para bom entendedor, meia palavra concerteza bastará: "o único erro de verdade, é aquele com o qual não aprendemos nada"... ou melhor ainda, "errar é humano, colocar a culpa num só, já é estratégico". Eu, fico-me pela primeira, pois essa, é muito, mas muito mais próxima da "realidade" da verdade!

82 comentários:

  1. terça-feira, 9 de Março de 2010
    I GOTTA FELLING…


    video
    I GOTTA FELLING, para o jogo de hoje, FORÇA FUTEBOL CLUBE DO PORTO…


    Caros amigos, hoje é dia de Champions e por isso mais uma grande noite nos espera, esperemos que uma noite daquelas a que estamos habituados a ver o nosso PORTO fazer, ou seja, um grande jogo e a deixar tudo em campo e, claro, trazer a passagem a eliminatória seguinte na bagagem.
    Como PORTISTA que me prezo, acredito que os nossos guerreiros vão conseguir trazer a eliminatória para nos oferecer, mas para isso têm que estar totalmente concentrados e com a pica toda, sentir que estamos aqui a torcer por eles.
    Nesta fase do campeonato, como se costuma dizer, já não me interessa que jogue A, B ou C, o que me interessa é que vençam e que acima de tudo tenham SEMPRE a noção do clube que estão a representar e que o símbolo que envergam naquelas camisolas exige o máximo de respeito e que o honrem.
    Por isso meus caros, eu acredito em vocês, e mais uma vez façam-me feliz…




    O jogo só acaba quando o arbitro apitar pela ultima vez, vejam como foi em 2004 e acreditem em vocês porque nós acreditamos…


    video

    By Artur Guedes in oimensovoododragao.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Golo do Arsenal em fora-de-jogo.

    Quando o Arshavin recebe a bola, estava para aí 2 metros fora-de-jogo. Os comentadores nem dizem nada, enfim.

    ResponderEliminar
  3. OLA CONFRADES PORTISTAS .
    AQUI NÃO ESTA A DAR O JOGO NESTA Tv EMPLASTRO ... DA' MAS E' UNS VIDEOS D OQUEI E TAL , NADA DE Gunners-Porto !

    SERA' DA ZONA GEOGRAFICA (Caracas) OU FOI QUE O stream emplastrou hoje ?

    CASO NAO DESSE VAMOS AO RELATO DA RR VIA PC ...

    ResponderEliminar
  4. E k tal uns STEWARDS a chegada ao AEROPORTO!!!!Venha a proxima epoca....A 45m de ser mais uma vez!!!!Ja so falta o risinho de escarnio do Frances e nem precisa de ter Fabregas, Gallas, Eduardo ou Van Persie!!!!
    Bem pelo menos nestes 15m de intervalo nao somos massacrados!!!

    ResponderEliminar
  5. Erros patéticos e estamos arrumados.
    O do Fucile não lembra a um infantil, quanto mais a um profissional pago a peso de ouro e disto o Jesualdo não tem culpa. Desconcentração total.

    ResponderEliminar
  6. Perdemos com uma equipa que mostrou estar num nível muito acima do nosso. Resultado justo e que nos deve servir de lição futura.
    Cumprimentos.

    ResponderEliminar
  7. E agora? Raís parta isto!!

    ResponderEliminar
  8. Derrota justa mas pelos números errados...só nos faltava mesmo mais esta também!

    Tudo o que pode correr mal,corre pior!!

    Uma época para esquecer...só não sei é como...
    não tenho memória de algo assim.

    ResponderEliminar
  9. Mais uma noite triste. E, perante nova humilhação, sofrida outra vez em Londres, o melhor mesmo é dizer pouco. Não desnudar inteiramente a alma. Foi demasiado mau para ser verdade.

    Senti pena. Daqueles que comungam desta religião. Não merecíamos uma despedida destas.

    Quanto ao resto, opto por uma figura grada no FCP: o blackout.

    Existisse dignidade, amanhã Jesualdo apresentaria o pedido de demissão. Pese algumas aves raras, que por aqui pululam, ainda acharem que ele deve ser mantido na estrutura técnica. Existisse dignidade. Infelizmente, não me parece que o "professor" saiba o seu significado...

    Mais do que apontar erros - e foram tantos - é altura de preparar o que resta da temporada. Com brio. Duas taças que têm que ser vencidas. Dê por onde der. Não salvará a época, mas permitirá a recuperação do orgulho. Espero uma resposta profissional em Coimbra.

    Agora, comprimidinho para dormir e até amanhã. Fui.

    ResponderEliminar
  10. Se o Jesualdo tivesse a dignidade que o Paulo Bento teve no Zbordém, demitia-se...

    ResponderEliminar
  11. perdemos e perdemos bem!
    levamos um banho de bola de uma equipa que joga um futebol apoiado, k tem um futebol lindo, nos nao temos nada!
    nao quero aqui culpar ninguem, so quero dizer que perdemos e perdemos bem!
    abraço a todos
    força magico porto!

    ResponderEliminar
  12. Desculpem todos os portistas mas isto hoje foi mau de mais. Este treinador acabou. O que se passou hoje não pode ser branqueado porque teve mão (e cabeça) do PALHAÇO do treinador. Provavelmente os jogadores estavam muito cansados. O Fucile estava de rastos (e não jogou no sábado) que esteve e foi responsável por 4 golos do Arsenal.

    Vamos ser gozados por culpa um palerma que ao fim de 4 anos no Porto não percebeu o que é o Porto nem como se joga na Europa.

    Espero que tenha vergonha e se demita hoje se ainda queremos ganhar alguma coisa este ano. É que agora só falta sermos goleados pelos gayvotas na Taça da Liga. RUA! Não aguento mais!
    PQP O JESUALDO!

    Pronto, já desabafei um pouco e agora vou tentar comer qualquer coisa mas não sei se consigo de tão enfartado que estou.

    PORTO SEMPRE!

    ResponderEliminar
  13. Não quero divagar. Um dia triste para nós Portistas. Dói muito sair assim da liga dos campeões. Não sei quando vamos voltar! Vou tentar dormir.

    ResponderEliminar
  14. até acho que o Porto fez um bom jogo; a diferença é que é abissal entre os jogadores: o Wenger com a equipe do porto não fazia melhor...é só olhar para o banco dele; quando necessita de mudar é só mudar e pode ter trinta lesionados... além disso convém lembrar que o árbitro era outro todo esquisito. Mas pronto foi justa a vitória deles, os números é que foram estúpidos. E o golo do Nasri é um monumento ao futebol.

    ResponderEliminar
  15. Agora, respirar fundo!!!Reflectir, pensar na academica (que me cheira a mais uma derrota). Depois desta copiosa derrota, talvez demissao do Sr. do banco e mais alguns discursos da SAD...
    Fucile que jogo enorme!!!Ainda bem k o pouparam com o olhanense.
    Há dias assim, são é muito repetitivos.Jesualdo quebra mais uma tradiçao depois de ter estado no jogo do M.Unted onde nunca uma equipa inglesa tinha ganho no Dragao, agora acaba com a tradicao de nao passar uma eliminatoria depois de ganhar na 1 mao da eliminatoria. Acabará por sair em beleza, ou nao!!
    Hulk a estupidez da eliminatoria...Nem um golo no campo deste Arsenal, campo onde qualquer clube de media expressao em Inglaterra marca.
    Mais um jogo de experiencias, onde o melhor em campo ate tera sido o Helton, palmas a Falcao!!!

    ResponderEliminar
  16. só concordo com a saída imediata de jesualdo porque daria sempre moral e ar fresco a uma equipa completamente perdida e desesperada....


    ai meu Deus....

    ResponderEliminar
  17. Até podiam ter sido 10, não quero saber.
    Tenho muito orgulho em ser adepto do F. C. do Porto.

    sobre o jogo só abro uma excepção
    Falcao, jogou à Porto.

    ResponderEliminar
  18. Hoje, é uma noite boa para virem com o paleio do:

    «Mas agora, tu, que parece que quebraste, que adoeceste, que aparentas estar fraco e sem forças, (até) parece não teres uma mão Amiga que te ampare, um incentivo que te crie algum conforto, alguém que simplesmente olhe para ti e diga:

    - "Estou aqui para te APOIAR, estou aqui porque te AMO".

    Apesar de muito "asneira"... continuarei para todo o sempre a ser um dos teus "seguidores da fé", daqueles que nunca desistem, daqueles que acreditam e amam e não conseguem (nunca!) virar costas, os que ficam contigo e te fazem ver que "podes contar comigo", os que sofrem em silêncio, respeitando a tua fraqueza e que não te "apunhalam" pelas costas num momento de debilidade.

    Infelizmente, e como tantas vezes já aqui discutido por mais que uma vez (diferencial considerável do nr de comentários no pós-vitória ou no pós-derrota), na hora da derrota, na hora da aparente fraqueza, parecem poucos os que "ficam"... mas, meu querido FC Porto, não deves sentir-te desolado, triste, amargurado, por veres que nem todos os "Amigos" são para todas ocasiões, que agora nem todos ficam para te amparar!!!

    Talvez tenham sido mais os que partiram, ficaram alguns, não muitos é certo, mas lá diz o outro: "Parecemos poucos, mas somos bons".

    Sinto-me triste por ver que nem todos te quiseram ajudar, mas orgulhoso de mim por sentir uma maior vontade de te acarinhar.

    Que te posso dizer?

    Umas palavras de conforto de circunstância, ou fazer-te ver que temos altos e baixos, no percurso da vida, que talvez consigas encontrar uma perspectiva optimista e esperançar tua alma que teu futuro será melhor.

    Que importa o que te diga??

    Tanto faz, o que interessa é "ficarei sempre contigo até ao fim", e "sofrerei em silêncio" a teu lado, sem nada dizer, pois nestes momentos, pouco se tem para faze-lo.

    Estarei sempre contigo, ao pé de ti, nos bons e nos maus momentos, a mostrar a minha devoção por esta "religião" que me consome a alma!!!

    "Ontem", talvez se tenha encerrado (definitivamente?) um ciclo de 5 épocas, mas antes mesmo que o pano corra em definitivo sobre esta peça, ficam aqui, desde já, e antecipadamente, as minhas palavras de agradecimento por tudo o conquistado, por todo o orgulho me fizeram sentir, por todo o acréscimo de "Portismo indefectivel" que acrescentei ao meu BI:

    Obrigado FC Porto!!!
    Obrigado Presidente, PdC!!!
    Obrigado toda a estrutura da SAD!!!
    ... por fim, mas não em último, obrigado Mister Jesualdo Ferreira, por todas as conquistas que deste ao "meu" clube, por toda a vontade que sempre tiveste em querer vencer pelo "meu" clube, por toda a defesa pública e intransigente que sempre fizeste pelo "meu" clube, por todo o respeito que sempre demonstraste pelos adeptos do "meu" clube... acredito que vais partir, é certo (!?), mas pela minha parte, terás sempre todo o meu respeito, porque felizmente, diria, não tenho por hábito, "cuspir na cara" de quem sempre me respeitou e tudo fez para me ver feliz!!!»


    Palavras certas na altura certa.

    Ficamos à espera.

    Andámos anos a angariar prestígio na Europa para tudo se perder numa simples noite.

    Agora, também eu repito:
    Obrigado Presidente, PdC!!!
    Obrigado toda a estrutura da SAD!!!
    ... por fim, mas não em último, obrigado Mister Jesualdo Ferreira.

    Não me envergonham mais!!!

    ResponderEliminar
  19. A excepçao do reine margot todos os outros tem os olhos abertos mesmo que em estado de exaltaçao maxima...arbitro, bom jogo!!!olha vai para o aeroporto bater palmas e palmadinhas nas costas!!!Lembro que o ano passado por esta altura renovaram com o Sr. Jesuald, porque nao agora rescindir!!Não é pela derrota, nem pela vergonha...é só para que nao se perca tempo para a epoca proxima.
    Este treinador sabe tudo e anteve tudo com enorme antecipaçao e perspicacia, so que depois, bem depois...é demente ver este prof. a falar a imprensa no pos jogos!!!So falta falar em fadiga..a fadiga dos adeptos por este periodo de erros individuais e colectivos que justificam estes numeros na epoca!!
    Ausencia de Fernando nao justifica tudo...Tinhamos de fazer golos, e criar jogo pra potenciar tal cenario!?!?!?Ai se o cebola marca na cabeçada, salva em cima da linha, so tinha ficado 5-1!!!

    ResponderEliminar
  20. houve um anónimo que acertou no resultado. Mandaram esse anónimo dar banho ao cão.

    Ainda há quem defenda o Jesualdo. O Porto até pode levar 10, que continuo a ter orgulho em ser do Porto, mas a verdade é para se dizer. Jesualdo está a mais desde de Dezembro no mínimo.

    Alguns adeptos aqui são do estilo: Os russos estão em berlin, mas ainda vamos ganhar a guerra. Onde esta o Steijner?

    ResponderEliminar
  21. E termina assim a carreira do FCPorto na edição 2009/2010 da Liga dos Campeões, uma derrota pesada, num Estádio que não traz boas recordações ao FC.Porto, nas três vezes que jogou no Emirates Stadium, perdeu os três jogos.

    O FCPorto trazia uma vantagem escassa do Estádio do Dragão, e todos sabíamos que dificilmente seria possível aguentar o único golo que nos dava o acesso aos quartos-de-final, mas tinhamos a esperança de seguir em frente, mesmo com as exibições menos conseguidas e o recente afastamento da luta pelo Penta-Campeonato.

    Quanto ao jogo em si, mais uma invenção do Jesualdo Ferreira, ao meter o Nuno André Coelho a trinco, um jogador que não tem experiência na Champions, e que não jogou uma única vez na Liga Sagres, já são 3 anos a inventar neste tipo de jogos, e que nunca deu bom resultado, parece que ainda não aprendeu. Hulk também penso que foi um erro, sem ritmo competitivo, hoje mais uma vez esteve bastante apagado.

    O Arsenal entrou logo no jogo a querer fazer o mais rápido possível o golo, sempre em cima de nós, aqueles primeiros minutos de jogo mal tocámos na bola, os dois primeiros golos da 1ª parte, resultam de dois erros defensivos, apesar do 1º ser irregular, pois Arshavin encontrava-se em fora-de-jogo, algo que não foi dito pelos comentadores da RTP. O 2º golo, um erro crasso de Fucile, que já não é a 1ª vez que repete estas graçinhas, a 1ª parte deitou praticamente tudo a perder, embora um golo levasse o jogo para prolongamento.

    Após o tempo de descanso, o FCPorto entrou melhor na partida, com a entrada do Rodriguez para o lugar do NAC, mas o francês, com o seu olho táctico, fez entrar o Eboué, que rapidamente anulou aquele lado esquerdo, que estava a funcionar muito bem. O 3º golo do Arsenal, ditou o nosso adeus à presente edição da Liga dos Campeões, foi um bonito golo do Nasri, mas também diga-se de passagem, que foi uma grande azelhice dos nossos jogadores.

    Fucile que fez um jogo horrível, teve culpas também no 4º golo, onde o resultado já começava a ter contornos de goleada, para não bastar, cometeu o penalty que deu o 5-o ao Arsenal, Helton ainda adivinhou o lado, mas não conseguiu chegar à bola.

    Apesar de ter sofrido 5 golos, Helton foi na minha opinião o melhor jogador do FC.Porto da partida, não teve qualquer culpa nos golos que sofreu e ainda conseguiu evitar opurtunidades flagrantes do Arsenal. Falcao também foi um verdadeiro lutador, correu muito atrás da bola, apesar de isso em termos práticos, não ter tido grande resultado.

    Bem, estou desiludido com esta equipa, já nem me apetece escrever mais nada, até 2011/2012, porque na próxima edição da Champions, está dificil de conseguirmos lugar.

    ResponderEliminar
  22. Fcp cantarei por ti até á morte.Triste mas muito orgulhoso do meu FCP POIS NÃO É QUALQUER CLUBE QUE ANDA NESTAS ANDANÇAS.UM BEM HAJA A TODOS OS BLUES.

    ResponderEliminar
  23. A frase, penso que do Offshore, será a mais adequada.
    Quando estamos em baixo até os pardais nos cagam em cima.

    E se não são os outros são os nossos que antes do jogo já insultam tudo e todos mas com a ressalva de 'esperarem estar enganados', ou de' dar a mão à palmatória'.
    Mas claro, só no fim do jogo.

    A questão do Professor estará resolvida.
    Como é da praxe será o elo mais fraco.
    Mais vitima do que réu e dos poucos que esteve em todos os momentos dos últimos 3 anos, mas seguramente o elo mais fraco.
    Lógica a sua culpa no fora-de-jogo claro que só não viu quem não quer.
    Lógica a sua culpa da infantilidade do Fucile.
    Lógica a sua culpa de eu estar completamente fodido, não ter vontade de dormir e de algumas letras do teclado teimarem em não funcionar.

    Mas a questão do Professor estará resolvida ainda mais facilmente.
    Com tantos experts técnico-o-tácticos não faltará quem se apresente como seu substituto.
    Estranho é que hoje de todos os blogues visitados, todos apresentavam equipas diferentes.
    Havia até alguém que colocava a jogar jogadores não convocados...
    Se a doença é a mesma haveriam assim tantas curas?

    Por falar em cura.
    Apareçam amanhã à noite no Dragãozinho para a partida de hóquei.
    Costuma andar por lá a vontade, a gana, o cerrar de dentes que falta, actualmente, a esta equipa de futebol.
    E quem tiver vergonha de levar a camisola do FC Porto que leve apenas o colete amarelo.

    Vou fumar um cigarrito e vou tentar dormir.
    Fui... mas estarei lá amanhã.
    Boa noite.

    ResponderEliminar
  24. Em 19 anos de vida nunca tinha visto o meu clube ser derrotado por um resultado tão volumoso...

    Estou muito triste, porque amo muito o FC PORTO!

    ResponderEliminar
  25. Viva !

    Vi o jogo em péssimas condições.

    Até podia ter parado no café ao lado, mas confiei no emplastro e foi o que se viu.

    Hoje sou eu que estou em direito de pôr o pescoço do Blue Boy a andar à roda.

    Indo ao essencial , quanto a mim , que não percebo nada de futebol.

    Engraçado ver que entre cortes e testes assisti a duas grandes defesas do Helton. E continuei a ver Falcão na linha da bola.

    Uma equipa Inglesa é por definição invencível antes dum mês de Abril bem avançado. Um equipe Inglesa do top é claro. Qualquer equipa continental sabe-o. Daí a importância do resultado da primeira mão.

    Todavia, perder por 5-0 é consternante.

    O Porto não tem uma defesa organizada, o que no passado presente fez a sua força. Só tem um guarda redes !

    Todavia, os seus defesas são bons, considerados individualmente.

    Não vou fazer um copiar-colar do que escrevi no meu último comentário , relativo ao jogo do Olhanense. Diz a mesma coisa.

    O Porto não tem um plantel que seja capaz de rodar. O Porto vendeu grandes jogadores que nem sempre são fáceis de substituir.

    Porquê não sei ? Sei unicamente que o historial do Porto é muito superior ao de Arsenal.

    Buscar bodes expiatórios é fácil !

    Umas das carecterísticas do Porto foi ter tido sempre treinadores que soubessem conjugar o conjuntivo. Porque há seis milhões fora que gostam de ouvir falar bem Português.

    Não seria dignificante para o clube Português com maior historial internacional, despedir ou aceitar a demissão, praticamente em fim de época , de quem tanto fez pelo Porto. E lembro-me dos vinte pontos de avanço.

    Continuo a pensar que o Porto não tem cíclos , mas fases.

    Cíclo há só um : O Porto ! com fases menos boas e fases melhores.

    Eu como já atravessei várias fases, até a fase do deserto, não tenho qualquer problema !

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar
  26. ____________AMO-TE PORTO___________




    What?Nunca ouviram dizer que o amor é cego?
    FCP aqui <3 sempre.O que não impede que esteja zangada e triste por esta nuvem negra que teima em não bazar,é precisamente por isso!

    ResponderEliminar
  27. compreendo que não tenhas problemas com a fase do deserto, porque passaste, por isso. Mas olha que devias, não deve ter sido fácil.

    E se não formos à champions, e com o que certamente vamos vender, como é que reforçamos isto?

    ResponderEliminar
  28. Tá decidido, então: Por quase total unanimidade, dado que o mal aparentemente não vem dali, é de manter Jesualdo.

    Eu até sugeria que se prorrogasse o contrato, talvez por 3 anos, de forma a que ele tenha tempo de colocar em práticas as ideologias tácticas. E, bem vistas as coisas, basta ter um pouco de sorte nos sorteios. Nem sempre nos calhará o Arsenal. Julgo que os próprios já estarão fartos da clarividência táctica do "professor". 9-0, em dois jogos no Emirates, provoca fadiga a quem vê. Sobretudo, se for das cores contrárias.

    Como o meu portismo, apesar disso, permanece intacto (é sempre salutar dizê-lo, não vá ser questionado por alguém, só por me atrever a ironizar com a situação), continuarei a ver os jogos. Uns atrás dos outros.

    Por acaso até vou a Coimbra. Melhor altura para se ver futebol. Sem expectativas. Nunca pensei que me sentisse na pele de um sportinguista.

    ResponderEliminar
  29. Domingo, a batalha táctica Villas Boas - Jesualdo vai ser interessante. Já agora, gostava de ver o Addy a jogar.

    ResponderEliminar
  30. Mas que p*** de humilhação! Até fiquei "bambo"! Já se sabia que o Arsenal era grande equipa, mas sem o maestro Fabregas, para não falar dos outros, estava de alguma forma fragilizada! Em todo o caso isto não! Inadmissível meus amigos! Inadmissível!

    Parabéns ao Hélton e ao Falcao! Os únicos a conseguir nadar no pântano! Quanto ao Fucile, bem, hoje decidiu transformar-se em "Imbecile"! Um par de estalos nem era mal pensado!

    Estou na merda! F***-se!

    ResponderEliminar
  31. 1º Não vi o jogo,
    2º Penso não ter perdido nada,
    3º Sábado opinarei adequadamente,
    4º Nao abafem o que se passa no FCP, com frases como "Amo o Porto" e nao sei que.. Ng é mais portista que ninguém, e eu n deixo de amar o Porto por resultados como os ultimos. Apenas acho que nao sao adequados para a altura. Tem que haver critica SIM; têm que perceber que os adpetos estão frustrados SIM, têm que sentir na pele que n dignificam a camisola SIM,; dizermos que amamos o fcp em alturas como esta so ajudam a que eles tapem os olhos e nos enganemos a nos proprios.

    Volto a repetir, o amor que sinto pelo meu clube nao se altera com resultados, apenas nao sinto necessidade de o justificar. ISSO FUNCIONA SEMPRE DA PIOR MANEIRA.

    é importante criticar.

    Não me entendam mal, apenas vejo as coisas, pelo lado racional e psicológico, pois é assim que na maioria o ser humano funcionam, e eles (jogadores) nao sao diferentes.

    ResponderEliminar
  32. E pensar que o Adriense sofreu uma emboscada por ter empatado em Vila do Conde quando estava à frente no campeonato. Já o Jesualdo leva cinco na Europa, está a onze pontos do primeiro e hoje vai descansadíssimo para casa.

    Somos um clube de brandos costumes.

    ResponderEliminar
  33. O facto de eu estar triste, não faz com que eu me vire contra o meu PORTO, porque eu sou PORTO até á morte, e estarei sempre ao seu lado para o apoiar!

    BIBÓ PORTO

    ResponderEliminar
  34. Mão cheia de desilusão.

    Veja:
    http://oladodofutebolquenuncaviram.blogspot.com/2010/03/mao-cheia-de-desilusao.html

    Abraço

    ResponderEliminar
  35. Compreendo perfeitamente o que queres dizer João,mas neste momento não tenho frieza para criticar mais o que já critiquei aqui e hoje


    De resto,que mais haverá a dizer?É chover no molhado...os problemas vêm de todo o lado.É fácil enumerá-los

    Esta é uma das épocas mais estranhas,mais psicadélicas mais surreiais que tenho memória pelo que eu nem sem muito bem o que diga.

    Talvez amanhã...ou se calhar só mesmo no final da época pois pelo andar da carruagem sei lá como isto vai acabar...
    Dava jeito era que acabasse mesmo...

    ResponderEliminar
  36. Orgulhoazulebranco, és uma adepta à porto e pautas sempre os teus comentários com estrutura, pensamento crítico positivo e realismo, não quero mesmo que entendam mal aquilo que disse. apenas digo que lidar com os prblemas é como que educar uma criança. se lhes ralhamos não podemos 5m depois é abrir os dentes e dar palmadas nas costas, quando eles nos dizem que perceberam o raspanete, ha que fazer durar o tempo de crispação, para que algo de "positivo" e pedagógico se entranhe.

    Abraço

    ResponderEliminar
  37. Na altura em que o plantel do FC Porto se dirigiu aos adeptos, para lhes agradecer o apoio prestado, BRUNO ALVES e RAUL MEIRELES viraram costas e entraram para o balneário!

    Autêntico!

    Recebi esta informação, de um dos nosso amigos do Tribunal que foi a Londres!

    ResponderEliminar
  38. Amigo Tripeiro, só dá razao aquilo que acabei de dizer. quanto mais lhes damos palmadinhas, mais eles enchem o peito e nos desrespeitam..
    E vindo dos capitães, dói ainda mais e faz pensar que algo está mal dentro do próprio balneário e de quem supostamente dve ter no sangue o voz do clube e a passagem da mística.

    Abraço

    ResponderEliminar
  39. Viva !

    @ Pedro : Nunca mais estaremos no deserto porque temos historial nacional e internacional. O que é diferente dos anos 50-60 .

    O teu comentário é pertinente . Eu não estou nos segredos dos deuses.

    E não sei responder. Embora possa ter ideias idealistas.

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar
  40. cheira-me que amanha o juju ja nao e treinador do porto!
    acabei de ouvir o rui moreira dizer que tinha muitas duvidas k ele se sentasse no banco sabado.. aguardemos, com muita esperança!

    ResponderEliminar
  41. Para que fique bem claro, Mafaldinha, nunca me virarei contra o Porto. O que não impede de despejar frustrações e com toda a razão porque isto não é de hoje.

    Sou sócio do Porto à 32 anos, já vi muitas derrotas pesadas (1-6 contra AEK e 0-5 contra PSV por exemplo) e nunca deixei de apoiar o clube mas também nunca deixei de criticar quando é de criticar. Jesualdo ganhou 3 campeonatos 1 Taça e 1 supertaça e passou sempre aos oitavos da Champions mas também é verdade que foi eliminado pelo Atlético em casa pelo Fátima fora levou 4 + 2 + 5 do Arsenal mais 4-1 do Liverpool e não conseguiu eliminar o Shalke04 para além de 2 supertaças perdidas par os lagartos e mais uma taça para os mesmos lagartos e um 1-4 + 0-3 dos mesmos lagartos. É bom não esquecer as coisas boas de Jesualdo como a defesa do clube em alturas difíceis mas também não olvidar que sempre que as coisas correm mal ou é o cansaço ou é a trave ou é outra coisa qualquer menos a sua péssima leitura de jogo ou a péssima forma como arma a equipa nestes e noutros jogos mais fáceis.

    É verdade que foi o Fucile que fez 3 disparates enormes mais um quarto em que tirou a bola do redes mas, e como sempre acontece nestes casos, quem o deixa a descansar e o põe a jogar tem grandes responsabilidades. A colocação de Nuno André Coelho (que eu gosto de ver jogar) é da única e exclusiva responsabilidade do treinador que em 4 anos de Porto inventou sempre nestes jogos e, tirando Manchester no ano passado, sempre correu MUITO MAL. E quem é que insiste em jogar estes jogos em 4-3-3 quando não tem extremos e fica com um meio campo vulnerável e contra uma equipa como o Arsenal é cometer suicídio. E quem é que pôs o Hulk a jogar? E quem coloca Ruben Micael naquela posição?

    Eu sei que não percebo nada de futebol mas, já vejo futebol há muitos anos e conheço os jogadores do Porto e já aprendi algumas coisas de futebol. Mas claro que o treinador é o Jesualdo e ele é que sabe...

    Meu caro Estilhaço: acontece que, desta vez, ainda estavamos em cima e já toda a gente criticava o estado das coisas e infelizmente não serviu para nada pois esta última semana e meia foi o culminar dos problemas que se adivinhavam. Pergunto-te eu agora: Achas que deve ficar tudo como está? Achas que Jesualdo tem condições para agarrar de novo na equipa?

    Quanto ao hóquei, vou tentar lá estar na esperança de conseguir afagar as mágoas. Mas, já estou a tentar conseguir boleia para ir ver o Porto a Coimbra no próximo sábado porque também sei que é nestas alturas que o PORTO mais precisa de nós.

    PORTO SEMPRE!

    ResponderEliminar
  42. Meu Amigo Tripeiro, estou tristíssimo com esta derrota, mas essa atitude dos capitães ainda me consegue deixar mais desolado.

    Não admito que os capitães do meu Porto abandonem o barco e desrespeitem os adeptos que fizeram esforços para estar presentes em Londres!

    Muita coisa tem de mudar na nossa equipa de futebol...

    ResponderEliminar
  43. nao foi so o bruno alves e o meireles, foi a equipa toda! nao houve um que fosse aplaudir os adeptos!
    por isso nao vamos colocar o bruno e o meireles, porque foram todos!
    a culpa nem e deles.. e de quem nao os obriga a ir agradecer a quem faz sacrificios por eles.. e depois ainda vem com os discursos k nos sabemos e k todos ouvimos!
    felizmente desse senhor ja nao terei k ouvir mto mais tempo... no maximo mais 2 meses!

    ResponderEliminar
  44. 1.Primeiro golo do Arsenal irregular.
    2.Segundo golo do Arsenal: ridículo e indesculpável o erro de Fucille que fez a pior exibição desde que chegou ao Porto.
    3.Nuno André Coelho é uma das maiores promessas do nosso Porto.
    É um grande central e talvez devesse ter jogado , não a trinco, mas no lugar do B. Alves que voltou a fazer uma exibição péssima. N. Coelho até poderá fazer o lugar de trinco, mas para isso tem de ganhar rotina do lugar. Foi um erro a sua inclusão naquela posição, apesar de não ter sido dos piores.
    4.Talvez esteja a terminar o ciclo Jesualdo no Porto.Há que encarar a situação com o respeito que deve merecer um tri-campeão,que muito fez nestes anos em que sucessivamente teve de refazer a equipa depois de perder os melhores jogadores.
    5.Fala-se em Villas Boas e Domingos. Não me choca,mas por que não Jorge Costa, com Castro, Ukra e outros talentos que temos dispersos por aí?

    ResponderEliminar
  45. Discordo e reprovo o comportamento do Bruno e do Maireles bem como dos outros, mas compreendo o facto de agr agirem assim, especialmente o Bruno. e não é dificil perceber o porquê. As antecedencias de alguns têm sempre consequencias, e podem trazer dissabores..tenho dito! o que aconteceu e tal comportamento é espelho de algo que ja vem de trás...muito atrás.

    Abraço

    ResponderEliminar
  46. nada q uma primeira vez bem critica e agressiva como a de hoje para me iniciar nesta comunidade q apesar das opinioes (pouco) diversas remam todas para o mesmo "bom" porto... e que saudades dele!
    ...esperemos q dure pc tempo este des-"norte"... e hoje mais do q nunca direciono unica e exclusivamente os meus parabens para os "super" " colectivos" e entre outros q tiveram tempo e disponibilidade para se deslocarema londres, para no fim NEM UM OBRIGADO dos jogadores ou dirigentes ou corpo tecnico da equipa!
    sao nestes detalhes q se fazem coisas grandes!!!
    vou acreditar sempre... na instituicao, nos adeptos, nas claques...estes sim sao ETERNOS!
    abracos p todos...e animem se, pode ser q amanha hajam news!
    ciao...

    ResponderEliminar
  47. Pior que essa atitude para com os adeptos do Bruno e do Raul é a sua própria atitude em campo... o Bruno parece completamente desinteressado, o Raul sem garra e sem vontade... não são dragões, não são jogadores à Porto...

    ResponderEliminar
  48. Não gostaria de ver Jesualdo transformado em bode expiatório. Estou à vontade porque nunca achei que JF como treinador tivesse dimensão para FCP. Mas, por uma questão de justiça tenho que reconhecer o quanto se empenhou em dar a cara em defesa do clube enquanto outros com mais responsabilidades se calavam. Estou grato por isso. As responsabilidades pelo fracasso da época não podem ser assacadas só ao treinador. Antes do treinador, a SAD e o seu Presidente têm que assumir as suas próprias responsabilidades. Lembro-mo que Antero Henrique, numa entrevista ao JOGO, disse que ia guardar para memória futura as criticas daqueles associados que entendiam que a SAD não deveria ter renovado com JF no fim da época passada. Já no início deste ano, Pinto da Costa veio dizer que não eram precisos reforços porque a época tinha sido planeada com inteligência ( não havia petróleo e o grande reforço de inverno era o Tomás Costa ) . Faço votos que a SAD não se refugie no treinador, mas que reconheça os seus erros no planeamento desta época e não os repita na próxima. É que os treinadores quando erram são despedidos, os jogadores dispensados, mas os responsáveis da SAD continuam e também não são assim tão mal remunerados para que não se lhes assaquem responsabilidades nos fracassos. Se é de inteira justiça lembra-los nas vitórias, também não devem ser esquecidos nas derrotas.
    Saudações portistas

    ResponderEliminar
  49. Meus caros, daqui retiro o que o Lucho disse ontem:"Fim de ciclo!"
    Venha de lá a vassoura e 1/2 equipa para a rua, que não são jogadores à Porto.
    Tenho pena do Jesualdo, que não merecia estar a passar por isto. Devia ter saído, por sua própria vontade, no fim da última época. Teria sido uma reforma dourada.
    Entre sair agora ou no fim da época preferia agora. O treinador que vier tem de ser ser de créditos firmados e, se possível, que já conheça a filosofia portista.
    5-0? Tenho pena. Foi um borrão na história do nosso clube. Mas também eu borrei as mãos, muitas vezes, com tinta, na escola primária, e nem por isso a tinta deixou de sair quando lavei as mãos.
    O PORTO É O MELHOR! É O MELHOR, E PRONTO!

    ResponderEliminar
  50. Defendo a saída imediata do treinador, por uma razão simples, os jogadores estão completamente desnorteados, já se não revêm nele e ele já não tem mão neles.
    Então, antes que o terceiro lugar no campeonato fique em perigo, ou percamos as duas competições que restam, chamemos um treinador que comece já a preparar a próxima época. À Mourinho!

    ResponderEliminar
  51. A noite vai ser longa...penso na forma melhor..."como mandar dar a volta ao bilhar grande" os tretas dos ditos caríssimos portistas que tanta resolução/solução têm, e que ainda por cima gozam a desgraça do seu clube, vulgo "sou portista com orgulho". Que pena não aceitar comentários, o que me questiona a molécula: será lampião disfarçado? É preciso ter lata!

    ResponderEliminar
  52. O treinador devia demitir-se no final da temporada.
    No entanto deve pegar nos melhores jogadores fisicamente e psicologicamente e tentar conquistar as duas taças.
    Não lhe peço mais porque foi Tricampeão, mas a realidade é que já estou farto dele..muito por causa das suas invenções pardalianas.
    Nuno coelho não joga uma temporada inteira e é lançado ás feras contra o Arsenal -Isto é de Loucos!
    Agora que dizer do fucile que foi culpado em 4 dos 5 golos sofridos?Será pq foi poupado frente á Olhanense e não tinha ritmo?
    E o 1º golo do Arsenal que esta 2 metros fora de jogo?
    E o facto de em tres jogos frente ao Arsenal (em Inglaterra) termos um score de 0-9, Mr.Jesualdo?
    Estamos de rastos, professor, mas os seus comentarios apos o jogo , foi do tipo:" no pasa nada "
    deixam-me ainda mais preocupado!

    ResponderEliminar
  53. corrijo: 0 marcados e 11 sofridos!

    ResponderEliminar
  54. Catastrófico... Estou desolado. E ia escrever só isto: "Não me apetece comentar, apenas direi: "aquilo" era o nosso FCP?"
    No entanto, após a leitura de todos os comentários, não posso deixar de corroborar a ideia do "Azulibranco". A equipa está completamente destroçada, não tem "ponta por onde se pegue". Está pior que no início da época, é um monte de retalhos - leia-se, jogadores em baixo de forma e desassociados. Isto já não é uma equipa, é um amontoado de "artistas" que, sem rumo e norte, não sabem o que hão-de fazer. É assustador e não podemos olvidar esta realidade por mais que nos custe. Nesta conjuntura, o que nos reserva o resto da época? Nada! Temo que cada jogo seja mais um suplício pior que o de "tântalo". Ainda está em jogo muito coisa, apesar de Campeonato e próxima Liga dos Campeões já terem ido ao ar. Então que fazer? Bem, eu sei que não é norma, não faz parte dos hábitos da "casa", mas, neste momento, perante as circunstâncias, não é descabido que o treinador saia de imediato. É preciso um safanão, é preciso acautelar o resto da época mesmo com serviços mínimos. Caso contrário vamos continuar a assistir ao descalabro e à humilhação. De Jesualdo já foi tudo dito e não lhe tiro um milímetro de todo o mérito que todos lhe reconhecemos. Mas basta, Jesualdo acabou, não capitaliza mais nada do que fez, já não lidera. É lamentável, mas é a verdade. Ele próprio, inteligente que é, deveria pedir e forçar a saída - de imediato.
    Um abraço. F. Moreira - V. Real

    ResponderEliminar
  55. Será que é agora que o PdC substitui o treinador??? Quem é que no seu perfeito juizo num jogo da champions deixa um rodriguez, um mariano e um belucci no banco???????? e coloca um Nuno Coelho de inicio?
    Senti uma vergonha enorme do porto ontem! por mto que me custe dizer isto mas é a pura das realidades!?
    Como é que uma equipa que vai em vantagem para um jogo se deixa humilhar de tal maneira?
    Sempre disse e continuo a dizer que o Jesualdo não é treinador para um clube como o nosso.
    Tenho orgulho em ser portista mas ontem senti-me desolada... depois do 3 golo não consegui ver mais!!!

    ResponderEliminar
  56. Depois de nos termos despedido do título da forma que sabemos e a Liga dos Campeões estar muito longe, se ainda havia um Porto com vergonha na cara, à Porto, ele tinha de aparecer ontem no Emirates. Não apareceu, o que significa que o discurso não passa, já ninguém acredita em ninguém e assim, o ciclo tem de ser encerrado e partirmos para outro. Sem crucificar ninguém, mas cortando a direito o que tiver de ser cortado. Gerir em tempos de vacas gordas é fácil, gerir em tempos de crise, mais difícil, mas quem dirige o F.C.Porto tem provas dadas, experiência e tal como já aconteceu no passado, vai dar a volta ao texto.

    Um abraço

    ResponderEliminar
  57. Quase aposto que vem por aí uma grande contratação para este blog.

    E não, não será o Jesualdo.

    Quem está atento à blogosfera saberá que quem manda não andará a dormir e o convite deverá ser feito.

    Aguardemos notícias.

    ResponderEliminar
  58. Teve mérito pelo que o clube conseguiu nos últimos anos.

    Não é o único culpado.

    Mas é um dos principais culpados. Está desorientado, comete erros inacreditáveis, sente-se só e o seu discurso não motiva ninguém, aliás muito pelo contrário.

    Devia ter saído no final da última época. O professor está finito.


    O resto são palavras de quem acha que lhe deve dar cobertura pelo passado. O homem é limitado, porra!


    Pelo menos conseguiu uma coisa, conseguiu que eu ontem antes do jogo (apesar daquela esperança q o meu coração teima em manter) já aguardasse aquele pesadelo.

    FIM DE CICLO. COM UM ANO DE ATRASO.

    ResponderEliminar
  59. ESTOU DESTROÇADO, NEM SEI QUE DIZER, a não ser que AMO O GRANDE PORTO.

    ResponderEliminar
  60. Mais uma vez digo: o Bruno Alves conseguiu minar o balneário, e não há ninguém com tomates para o encostar, e mandá-lo jogar futvolei para o areal de Vila do Conde, que é o que ele faz nos dias de folga. Reparem no ar displicente com que ele joga no 1º. golo do Arsenal.
    Bruno, já nos deste muito, mas agora vai dar banho ao cão...........

    ResponderEliminar
  61. O passado é muito importante mas um grande clube (o melhor do mundo) como o Porto tem de ter sempre os olhos no presente e no futuro. Para viver do passado existem as gayvotas. Nós somos o FUTEBOL CLUBE DO PORTO e recodamos o passado mas o presente é que importa. Jesualdo foi tri-campeão com uma equipa que, é bom não esquecer, já tinha sido campeã com Co Adriaanse.

    Desde o início da época que ouço que Pinto da Costa foi forçado pela SAD a manter Jesualdo pois ele já tinha acordo com Jesus. Não sei se é verdade mas era bom que aqueles que aparecem nas vitórias a receber chorudos prémios devolvessem parte desses prémios nas derrotas em que têm grande parte da culpa.

    Quando no fim da época passada Jesualdo se pôs em bicos a dizer que era tri-campeão e praticamente a reclamar a renovação, agora devia assumir culpas próprias (que as tem e muitas) e também dos jogadores pois só assim defenderia o grupo. Mas não, aparece a desculpar-se com erros individuais, cansaço e outras balelas.

    Eu defendo a saída imediata de Jesualdo mas percebo que fique. Mas ficando vai ter de aturar críticas cada vez maiores e corre o risco de ser corrido a pontapé em vez de sair pelo próprio pé. É que ainda há provas para ganhar (e isso é o mínimo que se exige) e até continuar a lutar pela presença na Champions do próximo ano que apesar de tudo eu ainda acho possível.

    É também necessário preparar a próxima época e só espero que não seja com Paulo Bento.

    PORTO SEMPRE!

    ResponderEliminar
  62. Dado que ninguém assumiu a responsabilidade por esta derrota. Eu assumo. Sou eu o culpado por esta derrota.

    Só tenho pena que não me paguem largas dezenas de milhares de euros para assumir este papel de culpado. Há quem os receba e, ou não se manisfesta, ou então afirma que "jogaram nos nossos erros". Nossos de quem? Meus? Claro que são meus. A culpa é minha.

    Pelo menos, há um portista que assume a responsabilidade desta derrota: eu.

    E penso que estarei sozinho.

    ResponderEliminar
  63. E como uma desgraça não vem só o Zé Luis, do Portistas de Bancada, vai arrumar, temporariamente, as chuteiras e parece que o blogue.
    Como ele cortou os comentários para evitar despedidas fica aqui a minha com o destaque do último parágrafo:

    'Da Taça de Portugal dependerá o sucesso no Algarve, para relançar a equipa rumo ao Jamor e ali vencer, quiçá superando o Benfica em número total de troféus de primeira categoria. Mas aí só chegarão os verdadeiros adeptos, os que aparecem nas vitórias e nas derrotas. Com esses e com a equipa estarei sempre. Este blog demonstrou isso mesmo e rejeitou quem não presta.'

    Mas não é uma despedida.
    Apenas um 'Até ao Jamor, Zé Luis.'

    ResponderEliminar
  64. Caros colegas,
    ontem, antes do jogo, no escritório (onde sou o único portista) dei por mim a dizer que não sabia se o Porto ia levar 3 ou 4.
    Infelizmente, com este treinador, não dá para mais. Ganhámos internamente quando tudo o resto é medíocre, passamos a fase de grupos da LC em 2º lugar, porque há sempre 2 equipas piores que nós, mas depois, quando jogamos com boas equipas, somos goleados.
    Precisamos de alguém à frente da equipa que a motive e nos volte a fazer sonhar.
    1abraço.

    ResponderEliminar
  65. só queria deixar um comentário do álvaro do "Portogal":
    "5-0.
    Mau demais para ser verdade. Só espero que esta época acabe rápido.
    Como positivo, aproveito para dizer que vi o jogo na TSR (canal suíço) e os comentadores fartaram-se de elogiar o Porto mesmo quando a equipa jogava mal que é como quem diz, durante os noventa minutos. São assim os suíços...sempre mais portistas que os comentadores portugueses."
    interessante! será que também houve outros que para lá das asneiras que resultaram em golos do arsenal, viram duas equipes a jogar futebol e não só uma?

    ResponderEliminar
  66. Bem (mal, ora fodasse!), mas que ilações se podem tirar deste resultado de Londres?

    Sinceramente, assim de relance, talvez a única consolação que podemos retirar daqui é que não podemos ficar pior. É pensar o futuro com a certeza que ainda somos o Futebol Clube do Porto, que amanhã teremos de ser muito mais Porto. Que temos de novo de recorrer à nossa mística como poBo, de procurar os sentimentos e a identidade que nos fizeram crescer. E que teremos de encontrar Homens que partilhem desses sentimentos e dessa identidade.

    Mas aqui, eis que surge a dúvida, será que nos nossos altos comandos, alguém estará interessado em mudar este rumo aos acontecimentos? Espero que sim, espero bem que sim!

    Nós, os adeptos, sofremos jogo a jogo, semana a semana, mês a mês. Mas pior que tudo isto, é sabermos ou pressentirmos, que daquele grupo de jogadores pouco mais haveria a esperar. A laranja não chegou a ser espremida... estava seca desde o principio!

    Atrevo-me até a dizer que é nas derrotas como a de ontem que se forjam as memórias que me ligam ao meu clube do coração, o Futebol Clube do Porto.

    A tristeza, desilusão e frustração, é mais que muita, não há como negá-la ou escondê-la, mas enquanto me sentir minimamente lúcido e capaz ‘mentalmente’, lutarei incansavelmente contra todo este sentimento de revolta que me invade a alma e o coração, mas jamais, renegando o meu apoio incondicional ao clube, pois esse, para mim, é um privilégio que deve ser utilizado com honra, com lealdade, e com respeito pela nossa equipa. Apoio incondicional, sempre!!!

    Depois, em família, irritemo-nos à vontade...

    ResponderEliminar
  67. F.C. Porto e Fucile ridicularizados pelos jornais ingleses

    Imprensa britânica louva Arsenal entre as limitações contrárias

    Um mal nunca vem só. A goleada histórica do Arsenal é valorizada pela imprensa britânica, na exacta medida em que o F.C. Porto é ridicularizado e comparado pela negativa com os tempos de Mourinho. Fucile é o actor principal na noite de horrores dos dragões no Emirates.
    «O F.C. Porto, tão convidativo como adversário, pareceu o Burnley disfarçado», sintetiza o prestigiado Times, lembrando a última vitória do Arsenal. O pior viria depois: «Não que Fucile, por esta mostra, conseguisse sequer fazer um jogo pelo Burnley.»

    O Daily Mail bate na mesma tecla, uma espécie de sequela aprimorada da noite de ofertas de Fabianski no Dragão. «As calamidades do Porto eram demasiadas para ignorar. Fucile, em particular, teve um desempenho que lembrou a experiência de Fabianski em Portugal», escreve o jornal.

    O lateral direito tem de lidar com as críticas, com uma das exibições individuais mais infelizes na memória desportiva, mas não fica a penar sem companhia. «Os quartos-de-final terão equipas como Barcelona, Real Madrid, Man. United ou Chelsea. Todos têm jogadores de topo. Há uns anos, o Porto também tinha um par desses, mais a excepcional disciplina imposta por Mourinho. Essa recordação tornou ainda mais estranho vê-los na noite passada», insiste o Times, com uma precisão impressionante.

    «Equipas superiores ao F.C. Porto em todos os sectores ¿ o Tottenham, por exemplo ¿ estão à espera do Arsenal na Liga caseira. E a elite aguarda na Europa. Mesmo com todo o elan do Arsenal, e até o Barcelona podia ter despachado o Porto por maior margem, isso será pedir muito», completa o Times.

    Em linhas gerais, todos os jornais ingleses concordam na análise. O Arsenal deslumbrou a atacar, é certo, mas continua a falhar na defesa. O F.C. Porto não teve qualidade para aproveitar esse facto nem constituir uma real ameaça.

    O Daily Mirror ataca todas as linhas do F.C. Porto: «Os homens de Wenger encantaram os Emirates com uma exibição que castigou todas as limitações do Porto. O Porto foi suave na frente, miserável a meio-campo, irreconhecível na defesa.»

    «E pensar que alguém estava preocupado com uma possível saída dos Gunners da Champions. Eles nunca parecerem verdadeiramente em perigo», considera o sensacionalista The Sun.

    O sério The Guardian vê o copo meio cheio, elogiando o Arsenal e lembrando que este F.C. Porto tem largo historial na prova. «O Porto vai parecer inofensivo, mas talvez seja melhor pensar melhor antes de ridicularizar. O Porto não é assim tão absurdo se perdeu os jogos com o Chelsea na fase de grupos por apenas um golo. Ainda assim, o clube português tem um desempenho horrível em solo inglês. Em 15 visitas, 13 derrotas e dois empates», conclui.

    O que dizem os jornais

    Telegraph

    «No final de uma demolição do Porto que foi tanto bela como brutal, os adeptos do Arsenal cantavam «Olé». (..) Claro, tem de se destacar a natureza desapontante dos vencidos. O Porto é conhecido por viajar tão mal como as suas garrafas de vinho viajam bem.»

    ..........

    ResponderEliminar
  68. ......

    Guardian

    «O Arsenal foi tão eficaz que provavelmente se privou dos elogios que lhe seriam devidos. O Porto viu-se forçado a ser irrelevante.»

    The Sun

    «Pedimos desculpa, senhor Bendtner. Podemos ter inadvertidamente deixado a impressão de que Bendtner nem conseguia acertar no rabo de uma vaca com um banjo, depois dos falhanços dele com o Burnley. Mas este noite ele demonstrou ser o melhor avançado de sempre a pisar o Emirates, com o primeiro triplo da carreira, que esmagou o Porto.»

    Daily Mirror

    «Cintilante, sensacional, em alguns momentos absolutamente sublime, e coroado por um daqueles momentos «Eu estive lá»: o golo de Nasri.»

    The Times

    «Melhores adversários que o F.C. Porto forçarão a equipa de Wenger a mostrar que tem mais a recomendá-la que a simples beleza, mas foi a beleza que os trouxe de volta à luta no plano doméstico e europeu. E seguramente é melhor do que ganhar a jogar feio.»

    ----------------------------

    Triste. Muito muito triste.

    ResponderEliminar
  69. F.C. Porto: equipa recebida com protestos no aeroporto

    Após a goleada sofrida frente ao Arsenal

    A comitiva do F.C. Porto foi recebida com protestos esta madrugada no regresso de Londres, após a goleada sofrida frente ao Arsenal.
    Cerca de meia centena de adeptos vaiou a equipa, com críticas para Jesualdo Ferreira e para os jogadores após o resultado que ditou a eliminação do F.C. Porto das competições europeias.

    Os jornalistas presentes foram ameaçados pelos adeptos e os operadores de câmara impedidos de registar a chegada da comitiva portista. Segundo relatam a TVI e a SIC, foi dado conhecimento aos agentes da polícia presentes, que no entanto não actuaram.

    Segundo afirmou fonte das relações públicas da PSP à Lusa, os elementos da polícia não registaram no entanto «qualquer ocorrência».

    A equipa volta a trabalhar esta tarde, pelas 16h30, já a preparar o encontro de sábado com a Académica.

    ResponderEliminar
  70. Não posso alinhar em comentários de descalabro, a minha paixão pelo clube não me permite. Triste estou com certeza e se por acaso me apetecesse agora malhar no professor (o alvo eleito por quase todos) bastava-me olhar-lhe as costas, para perceber que ele não suporta mais nenhuma vergastada.
    Culpas? Eu sei lá de quem são as culpas, se calhar até são de todos aqueles que até agora nos encheram de orgulho em vitórias memoráveis.

    ResponderEliminar
  71. belo exemplar de adepto da agremiação corrupta
    http://oantilampiao.blogspot.com/2010/03/diabo-de-gaia.html

    ResponderEliminar
  72. Que se pode dizer depois de uma derrota tão pesada e com a qual os Portistas já contavam?

    Nada mais senão BASTA!!! Mas um BASTA do tamanho do nosso Amor Incondicional ao FC Porto.

    BASTA de Jesualdo á frente da equipa.

    BASTA de ver as Contratações para a Comissão e não para reforçar o Plantel.

    BASTA de ver a Equipa com 4 Adjuntos e NENHUM Preparador Físico.

    Em resumo, BASTA de Jogos em que andam a gozar com quem paga as Quotas e faz um sacrifício enorme para renovar o seu Lugar Anual.

    Eu como Adepto e Sócio EXIGO que a próxima temporada seja preparada como deve ser e com um Treinador Competente e que saiba fazer frente a uma SAD que só quer ganhar Milhões á custa do nosso Clube.

    Somos Porto e isto que aconteceu em Londres não é ser Porto.

    Cumprimentos e Saudações Portistas!!!

    ResponderEliminar
  73. Viva !

    Eis o que escreve a revista mensal So Foot, no seu site on-line.

    De longe a melhor revista Europeia que fala de futebol sem complexos e do futebol num mundo extra futebolístico. É uma opinião pessoal esta tirada.

    Não vou traduzir o texto integralmente, mas alguns extractos. Para ler o texto, basta consultar o site da referida revista.

    " Demasiado ( o Porto ) vunerável na sua defesa...Dominador o Arsenal nunca pareceu tranquilo até ao golo de Nasri ...Como no jogo da ida o Porto insistia onde magoava ... os gunners sofriam perante as investidas de Falcão , Hulk e Varela... A entrada de C. Rodriguez partiu os rins ..."

    Uma outra leitura. Mas o que é certo é que põe em evidência a fragilidade da defesa do Porto.

    E Viva o Porto !

    ResponderEliminar
  74. Parabéns Lisandro.
    Aquilo é que é raça e querer, à FCP e Dragão.

    A equipa dos milhões ficou-se pelo caminho.
    Quem diria.
    Isto é a beleza do futebol.

    A diferença faz-se pelo querer, pelo saber, pelo trabalho, pela atitude e também e muito pela sorte, e não só pelo dinheiro Sr. Jesualdo.

    Impressionante a calma que os jogadores do Lyon apresentaram hoje em Madrid, sem temerem as estrelas que estavam do outro lado.
    Todos em bloco e a manter as posições.

    Se não viram vejam.

    ResponderEliminar
  75. Contente por Lixa e Sissokho e pela derrota do Real que é um Clube que detesto, a par dos benfas.
    É tudo uma questão de atitude, de acreditar e de procurar a felicidade.
    E o Milan também levou que contar do MU, enfim, já não deslustramos tanto nos resultados desnivelados...
    Mas com o mal dos outros ...

    ResponderEliminar
  76. Para acalmar um pouco as dores que são muitas uma bela vitória no hóquei sobre os gayvotas (5-2) e outra importante vitória no andebol na Madeira sobre o Madeira SAD (23-17). Valham-nas as outras modalidades para nos dar alegria e juntando o básquete no fim-de-semana são várias alegrias para mitigar as dores do futebol.

    Jesualdo acabou e só espero que os nossos dirigentes não se arrependam de o deixar continuar à frente da equipa. Por mim já tinha ido e se tivesse um pingo de decência ele próprio saía pelo seu pé. Porque é capaz de ainda vir a sair empurrado e ao pontapé.

    PORTO SEMPRE!

    ResponderEliminar
  77. No Hoquei falta mesmo é mais uma liga dos Campeões.
    A ver vamos.
    Penso que quase podemos encomendar as faixas este ano.
    Grande Secção...
    Parabéns ao Andebol também.
    Ao menos coisas boas...

    ResponderEliminar
  78. Grande noite hj no dragão caixa;) FCPORTO 5 Benfica 2

    E no andebol

    Madeira 17 FC PORTO 23

    O PORTO SOMOS NÓS.

    ResponderEliminar
  79. Grande ambiente, grande vitória!!

    Sábado vou.... a Viana!

    ResponderEliminar
  80. A arrogância paga-se caro... Os "galácticos" mais uma vez eliminados. Parabéns Lyon, parabéns Lisandro e Cissoko. Agora apontem à final, no mesmo estádio, com o... Barcelona! Grande jogo para madrilenos verem...
    Belas vitórias do hóquei e do andebol. Duas equipas fortíssimas que estão a arrasar. Tudo fruto de muita qualidade e muito empenho. À DRAGÂO!

    ResponderEliminar