21 abril, 2012

"Queremos proporcionar uma alegria aos nossos adeptos"

http://bibo-porto-carago.blogspot.com/


A quatro jornadas do final do campeonato, o FC Porto tem, este sábado (21h15), uma oportunidade para se aproximar da conquista do título. Os Dragões recebem o Beira-Mar e, em conferência de imprensa, Vítor Pereira admite que o encontro será encarado como uma final.

O campeonato está a ser competitivo. Encara o próximo jogo como uma final?
Os quatro jogos que faltam são para ser encarados como finais. São encontros com um grau de dificuldade elevado e este não foge à regra. Vamos jogar com uma equipa que quer garantir pontos e tem os seus objectivos definidos. Cabe-nos fazer um bom jogo e estarmos concentrados para garantir os três pontos.

Acha que o Beira-Mar vai pressionar os azuis e brancos?
A pressão é positiva. O Beira-Mar é uma equipa organizada, com um bloco baixo e agressivo, e vai tentar contra-atacar com velocidade. A nossa identidade está bem definida. Queremos vencer e proporcionar uma alegria aos nossos adeptos.

Imaginava-se, há três meses, numa situação tão privilegiada para conquistar o título?
Não tenho imaginação a tão longa distância. De qualquer maneira, acreditava que estaríamos a discutir o primeiro lugar.

Já sonha com o título?
Não sou muito de sonhar. Estou muito agarrado à realidade. Ainda temos quatro jogos que queremos ganhar. Estamos focados no próximo adversário e no nosso objectivo.

O FC Porto, depois de ir à Luz, teve uma boa vantagem que desperdiçou frente à Académica. Este pode ser um cenário idêntico?
Sabemos que estamos a quatro jornadas do fim mas ainda longe do título. Esse empate com a Académica foi num momento diferente da época. Todas as equipas que estiveram na frente já perderam a vantagem. Aliás, tenho-me apercebido de que existe a tendência de passar de uma análise de um campeonato muito competitivo para um campeonato fraco, o que é estranho.

Acho que o FC Porto não foi levado a sério pela crítica?
Não vou por aí. A única coisa que vos digo é que o discurso de há umas semanas atrás era diferente. Neste momento, o campeonato ainda não foi ganho por ninguém, mas parece-me que há uma conversão de discursos.

Na semana em que se comemoram os 30 anos de Pinto da Costa ao comando do FC Porto, que mensagem quer deixar ao Presidente?
Desejo ao Presidente muitos anos de vida à frente do nosso clube. A convivência com ele é uma aprendizagem, tanto a nível pessoal como profissional. Espero que continue a garantir muitos títulos.

A equipa está mais tranquila depois do Sporting-Benfica?
Temos consciência de que estes quatro jogos são de um grau de dificuldade muito elevado. No sábado, queremos apresentar-nos com a máxima confiança e com comportamentos de qualidade. Não sentimos essa tranquilidade. Temos que estar alerta e focados no nosso objectivo.

Este campeonato é mais forte do que o do ano passado?
No ano passado, os adversários perderam muitos pontos, numa trajectória pouco habitual. O campeonato foi igualmente disputado, mas houve sempre uma margem para o segundo classificado. Esta época é incomparável, até na forma como a prova está a ser discutida, de forma renhida e com muita competitividade. As equipas da frente foram perdendo pontos, mas nada que se compare ao ano passado.

A continuidade de Jorge Jesus interessa para as contas do título?
Isso não me diz respeito. Não tenho rigorosamente nada a ver com esse assunto. Estou focado na minha equipa.

Fernando e Danilo estão aptos para jogar no sábado?
Estão a treinar integrados e à disposição do treinador.


fonte: fcporto.pt



LISTA OFICIAL DE CONVOCADOS
 

Guarda-redes: Helton e Bracali;
Defesas: Maicon, Rolando, Otamendi, Danilo, Sapunaru e Alex Sandro;
Médios: Fernando, Lucho, João Moutinho, Djalma e Defour;
Avançados: Kléber, Hulk, Varela, James e Janko.

0 comentários:

Publicar um comentário