17 setembro, 2014

“BÊS” ALCANÇAM SEGUNDA VITÓRIA

http://bibo-porto-carago.blogspot.pt/

FC Porto B-Oriental, 1-0

Segunda Liga, 7.ª jornada
17 de Setembro de 2014
Estádio de Pedroso, Vila Nova de Gaia


Árbitro: Manuel Oliveira (Porto).
Assistentes: Tiago Leandro e Tiago Costa.
Quarto árbitro: Júlio Loureiro.

FC PORTO B: Ricardo; Opare, Lichnovsky, Reyes e Kayembe; Campaña, Otávio e Leandro (cap.); Ivo, Frédéric e Kelvin.
Substituições: Opare por David Bruno (58m), Otávio por Francisco Ramos (65m) e Frédéric por Roniel (86m).
Não utilizados: Kadú, Célestin Djim, Rafa e Tomás Podstawski.
Treinador: Luís Castro.

ORIENTAL: Mota; Tiago Rosa, Hugo Grilo, Daniel Almeida (cap.) e João Pedro; Tiago Mota, Pedro Alves, Tom e Roncatto; Leonel Alves e Valdo Alhinho.
Substituições: Valdo Alhinho por Miguel Paixão (60m), Pedro Alves por Ballack (64m) e Leonel Alves por Mauro Bastos (74m).
Não utilizados: Janota, Seidi, Córdoba e Henrique Gomes.
Treinador: João Barbosa.

Ao intervalo: 1-0.
Marcador: Ivo Rodrigues (11m).
Disciplina: cartão amarelo a Leandro (64m), Daniel Almeida (67m), Tom (70m), Tiago Rosa (74m), Francisco Ramos (76m) e Hugo Grilo (87m).

O FC Porto B ganhou, pela primeira vez esta época, no Estádio de Pedroso e alcançou a segunda vitória na Segunda Liga, frente ao Oriental, por 1-0, com um golo de Ivo Rodrigues, aos 11 minutos. No encontro desta quarta-feira, em que o guarda-redes Ricardo, os defesas Reyes e Opare, os médios Campaña e Otávio e o avançado Kelvin, da equipa principal, integraram o "onze", os “bês” foram superiores e venceram com justiça o adversário lisboeta.

O FC Porto B entrou a todo o gás na partida e, depois de uma primeira ameaça aos nove minutos (um remate para bela defesa de Mota), Ivo Rodrigues marcou mesmo o único golo da partida: Otávio pressionou a primeira fase de construção de jogo dos lisboetas, Campaña recuperou a bola perdida e passou rapidamente para o extremo. Ivo, após iludir o guarda-redes, rematou certeiro para a baliza em que já se encontravam dois defesas adversários.

O ritmo da partida diminuiu a partir deste momento, apesar dos pedidos insistentes de Luís Castro para aumentar a rapidez nas trocas de bola. À passagem dos 32 minutos, Leandro marcou um livre para defesa apertada de Mota e, na recarga, Frédéric rematou à figura do guardião do Oriental. A equipa lisboeta, que regressou esta época aos campeonatos profissionais, poucas vezes criou perigo para a baliza de Ricardo, que foi pouco mais do que um espectador durante os primeiros 45 minutos. Ao intervalo, o marcador mostrava 1-0, resultado justo face à produção de ambas as equipas.

A segunda metade desenrolou-se também a um ritmo lento. O Oriental subiu um pouco no terreno, mas nunca conseguiu colocar Ricardo em apuros; o FC Porto B, por seu lado, não conseguiu sair da “teia” defensiva lisboeta, nem quando os mais criativos Kelvin, Otávio, Ivo ou Frédéric conseguiam um pouco de espaço. O relvado não favoreceu o estilo de jogo dos “bês” e as trocas de bola não fluíram conforme era pretendido, pelo que as ocasiões de perigo rarearam para ambas as formações.

Campaña ainda rematou à barra, aos 88 minutos, num livre directo marcado de forma superior, mas o resultado não sofreu alterações. O próximo jogo dos comandados de Luís Castro está agendado para o próximo domingo, às 11h15, e será contra o Beira-Mar, no Estádio Municipal de Aveiro.

fonte: fcporto.pt



RESUMO DO JOGO

0 comentários:

Publicar um comentário