21 junho, 2008

Repitam sff: HEPTAcampeão, HEPTAcampeão...

SL Benfica, 3 - FC Porto, 4

Hóquei em Patins
Nacional da I Divisão, final do play-off, jogo 4
Pavilhão da Luz, Lisboa

árbitros: Rego Lamela e José Pinto.

SL Benfica: Carlos Silva; Valter Neves, Ricardo Barreiros, Carlitos e Tó Silva.
Jogaram ainda: Vítor Hugo e Diogo Rafael.
Treinador: Carlos Dantas

FC Porto: Edo Bosch; Filipe Santos Pedro Moreira, Reinaldo Ventura e Emanuel Garcia.
Jogaram ainda: Jorge Silva, André Azevedo, Caio e Ricardo Figueira.
Treinador: Franklim Pais

Marcadores: Reinaldo Ventura (2), Caio (1) e André Azevedo (1); Ricardo Barreiros (1) e Tó Silva (2).

Disciplina: Cartão amarelo a Valter Neves, Ricardo Barreiros, Carlitos, Tó Silva e Pedro Moreira. Cartão azul a Carlos Silva, Carlitos e Reinaldo Ventura.

Pela sétima vez consecutiva, o F.C. Porto é campeão nacional de hóquei em patins, num novo capítulo histórico bem representativo da absoluta hegemonia azul e branca na modalidade. O feito, já de si inédito, foi renovado e melhorado para ganhar uma designação estranha, de tão rara: Heptacampeão. Onde quer que seja feita, a festa do triunfo, de contornos perfeitamente merecidos, não podia ser mais azul e branca.

Uma temporada, ainda inacabada, com três derrotas em 43 jogos disputados, diz muito sobre a justiça de um percurso de êxito que teve o seu corolário lógico na conquista do 17º campeonato pelos Dragões. O triunfo portista, no jogo e no campeonato, consagrou de modo ajustado a equipa que, de forma consistente e desde o início, mais fez por merecê-lo.

Quatro minutos bastaram para que os Dragões expusessem a inequívoca vontade de resolverem no quarto jogo as contas do campeonato: um potente remate de Reinaldo Ventura, num gesto próprio bem característico, abriu caminho para uma exibição segura dos pupilos de Franklim Pais.

Ventura voltou a assumir o protagonismo pouco depois, assinando o segundo golo do jogo, reforçando da mesma forma e em definitivo a liderança nos marcadores da competição (57 golos). Antes ainda do intervalo, a formação da casa haveria de alcançar o empate a duas bolas com que se chegou ao descanso.

A etapa complementar começou equilibrada e acabou por ser a qualidade do colectivo portista a sobressair, num golpe a dois tempos que fez antever a festa final do triunfo. André Azevedo primeiro, numa oportuna insistência, e Caio depois, após um lance individual, levaram a vantagem azul e branca para os dois golos e abriram as portas do desejado Hepta.

Um golo mais dos anfitriões não foi suficiente para anular a festa azul e branca que, ao apito final do árbitro, se instalou no recinto do adversário e daí se espalhou ao Mundo portista.

O sucesso do F.C. Porto, sete vezes repetido, pode ainda conhecer contornos acrescidos de excelência com a discussão da Taça de Portugal, agendada para o próximo fim-de-semana, em Aljustrel. O mérito azul e branco, esse, já reservou para si um lugar de destaque na história do desporto em Portugal.

# texto originalmente publicado no fcporto.pt em 21Jun2008

Resultados da final do play-off:
FC Porto, 3 - SL Benfica, 1

01Jun
- FC Porto-Benfica, 6-0
07Jun - Benfica-FC Porto, 3-2
14Jun - FC Porto-Benfica, 5-3
21Jun - Benfica-FC Porto, 3-4

13 comentários:

  1. "Autocarro alugado por adeptos do FC Porto destruído pelo fogo perto do Estádio da Luz
    21 de Junho de 2008, 18:21

    Lisboa, 21 Jun (Lusa) - Um autocarro alugado por adeptos do Futebol Clube do Porto ficou destruído pelo fogo hoje em Lisboa, próximo do Estádio da Luz, onde a equipa portista se encontra a defrontar o Benfica, no quarto jogo da final do play-off do campeonato nacional de Hóquei em Patins.

    Em declarações à Lusa, fonte da PSP afirmou que as chamas terão deflagrado cerca das 17:15, quinze minutos depois do início da partida no Pavilhão da Luz, onde o FC Porto pode conquistar hoje o sétimo título consecutivo, caso vença a equipa encarnada.

    Seis bombeiros e uma viatura de combate a incêndios combateram o fogo, já em fase de rescaldo, que deflagrou no autocarro que se encontrava estacionado na Avenida do Colégio Militar, sem quaisquer adeptos no seu interior.

    De acordo com a mesma fonte da PSP, testemunhas no local indicaram ter visto três pessoas junto da viatura, imediatamente antes do início do incêndio, não havendo, para já, nenhuma conclusão quanto à origem do fogo.

    Da mesma forma, fonte do Regimento de Sapadores Bombeiros recusou adiantar pormenores relativamente às causas do incidente.

    Dois adeptos do Benfica presentes no local relataram à Lusa que estavam a assistir à partida de Futsal com o Belenenses quando cerca de 50 pessoas abandonaram o pavilhão onde estava a decorrer o jogo para "receber" os adeptos do Futebol Clube do Porto que tinham acabado de chegar a Lisboa para a play-off do campeonato nacional de Hóquei em Patins.

    Contactada pela Lusa, fonte da PSP afirmou, no entanto, não ter registo de quaisquer confrontos entre adeptos dos dois clubes."


    JPB.

    Lusa/Fim

    ResponderEliminar
  2. Presidente, tu tás sempre em cima do acontecimento carago.

    O Valter Neves tinha pedido Berdade desportiva e quem somos nós para não cumprir o seu desejo.

    A Direcção dos bermelhos deve estar ainda à espera do Cebola e esqueceram-se de activar o bloqueio nas portagens.

    O Tó Silva continua a esquecer-se de jogar hóquei estando sempre mais ocupado a queixar-se das arbitragens.
    Será de chamar a polícia?

    E hoje não perderam com os azuis uma vez. Foram duas...
    O sol brilha lá fora. Que grande fim de semana.

    Já agora o que é isso de HEPTA?
    São 7 ou 8 consecutivos?
    Mas não há que descansar, ainda falta a Taça.

    ResponderEliminar
  3. Fantástico!
    Grande FCPorto!
    Parabéns HEPTACAMPEÕES!

    ResponderEliminar
  4. Esses filhos da puta com mau de perder... ARDAM NO INFERNO CARAGO!

    Hepta campeão! Hepta campeão! Hepta Campeão! As vezes que forem precisas ate entenderem!

    ORGULHO TRIPEIRO SEMPRE ate quando nos incendeiam os bus!

    OUTRA VEZ OUTRA VEZ
    O CAMPEONATO CO CARALHO OUTRA VEZ!
    OUTRA VEZ OUTRA VEZ
    O CAMPEONATO CO CARALHO OUTRA VEZ!

    Beijinhos azuis e brancos da Ta_8

    ResponderEliminar
  5. Vergonhoso. Pela cor do autocarro parecia-me o autocarro que o Madureira e companhia levam sempre para as deslocações. Um roxo, não sei se pertence à claque ou não, mas é o do "costume".
    É uma vergonha, aquilo que fizeram ao autocarro era o que devia fazer a esses #$&'$.
    Enfim, HEPTA e mai nada:P
    Um grande abraço

    ResponderEliminar
  6. os máiores carago!! :D HEPTA
    HEPTA HEPTA HEPTA ..
    viva o PORTO

    ResponderEliminar
  7. teixeira, era o autocarro que normalmente os SD costumam levar as deslocaçoes!
    ca fora nao se passou nada, sao herois mas e a incendiar as camionetas porque uma espera... e grupe!
    segundo me foi dito o porto ofereceu o autocarro da equipa pa regressarem, mas entretanto apareceu outra camioneta... o que interessa e que ja tao de regresso os nossos guerreiros!
    bom fim de semana pa todos!
    HEPTACAMPEOES!!!

    ResponderEliminar
  8. Somos nós HeptaCampeões Nacionais somos nós!!!

    Mas calma que a culpa da derrota do Benfica no Hóquei em Patins é...










    Da UEFA Carago!!! Ou então é do Polvo!!! Eh lá que agora confundi-me LOL LOL LOL

    Mas mais engraçado é ler em alguns Blogs que foi o Pinto da Costa e os Super Dragões quem mandaram incendiar o seu própio Autocarro... LOLADA LOL LOL LOL LOL

    Cumprimentos a todo(as)

    Não é Portista quem quer, só é Portista quem pode

    ResponderEliminar
  9. Isto já começa a ficar complicado. Até ao pentacampeão, a coisa ia bem.

    Hexacampeão já complica e heptacampeão não é coisa que se chame a um homem. :)

    Venham os campeonatos todos, mas depois vamos andar à rasca para denominar os nossos campeões.

    É melhor habituar-nos à ideia que isto ainda vai piorar:

    Heptacampeão - 7 campeonatos consecutivos;
    Octocampeão - 8 campeonatos consecutivos;
    Eneacampeão - 9 campeonatos consecutivos;
    Decacampeão - 10 campeonatos consecutivos;
    Undecampeão - 11 campeonatos consecutivos;
    Dodecacampeão - 12 campeonatos consecutivos;
    Tridecacampeão - 13 campeonatos consecutivos;
    Tetradecacampeão - 14 campeonatos consecutivos;
    Pentadecacampeão - 15 campeonatos consecutivos;
    Hexadecacampeão - 16 campeonatos consecutivos;
    Heptadecacampeão - 17 campeonatos consecutivos;
    Octadecacampeão - 18 campeonatos consecutivos;
    Eneadecacampeão - 19 campeonatos consecutivos;
    Icosacampeão - 20 campeonatos consecutivos;
    Tricontacampeão - 30 campeonatos consecutivos;
    Tetracontacampeão - 40 campeonatos consecutivos;
    Pentacontacampeão - 50 campeonatos consecutivos;
    Hectocampeão - 100 campeonatos consecutivos;

    Parabéns, grandes Heptacampeões.

    ResponderEliminar
  10. Estava fora do Porto mas vi o jogo na TV e tive no final o prazer de trocar mensagens de felicitações com o Lucho.
    Realmente grande vitória, na casa não do adversário mas do inimigo, neste caso.
    Depois foi o que se viu, não barricaram as portagens mas incendiaram o autocarro. Há anos o Filipe Santos não morreu lá por sorte.
    E que diz a comunicação social ( para além do JN )?
    Fosse cá e o orelhas ia chamar a Cia.
    Bom, ontem foram mesmo comidos de ... cebolada.

    ResponderEliminar
  11. Vitória da crença, da garra, da classe, da mística. Parabéns FC Porto! E agora venha a taça!

    ResponderEliminar
  12. Os heróis são assim... chegam lá, olham olhos nos olhos e fazer o adversário vergar-se à nossa superioridade.

    Somos HEPTAcampeões, apesar do fel que toda essa corja bermelhusca debitava na hora, sempre que lhe aparecia um micro na frente.

    Este já passou e faz parte d'um passado lindo, mas para ser ainda mais valorizado, nada do que começar desde já a preparar o OCTOcampeonato.

    Nós, cá estaremos para apoiar (como sempre), todos os nossos heróis de azul-e-branco vestidos.

    Estes, tb o são... Parabéns HEPTAcampeões!!

    ps - cada vez mais, me orgulho de o dizer: "cá vos esperamos na próxima"...

    ResponderEliminar
  13. No JN online:

    Autocarro incendiado: "Connosco correu tudo bem"
    00h00m

    manuel luís mendes

    O líder dos Superdragões, Fernando Madureira, desconhece em absoluto a autoria do incêndio do autocarro que transportou a claque portista, ao pavilhão da Luz, onde foi apoiar a equipa de hóquei, no jogo com o Benfica.

    Recorde-se que esse jogo seria decisivo para a conquista do sétimo título consecutivo de hóquei, por parte do F. C. Porto, que venceu por 4-3, numa partida em que os ânimos estiveram exaltados, mas em que nunca se deu uma confrontação física.

    É o próprio Fernando Madureira a salientar que entre as claques só houve provocações - uns, cantavam "cheira bem, cheira a cebola" e, outros, "cheira bem, cheira a queimado" - e que não foi por isso que se justificou o incêndio.

    "Só houve as habituais provocações entre as duas claques, o que é normal. Se tal não acontecesse é que era surpreendente. Connosco correu tudo bem. Não teve razão de ser esse incêndio", disse ao JN.

    O líder dos Superdragões confirmou que o fogo só se deu quando a claque estava dentro do pavilhão e o jogo já decorria havia 15 minutos, pelo que o autocarro não tinha ninguém: "Obviamente que foi um acto de cobardia ao esperarem que abandonássemos o autocarro. Actuaram pela calada, quando estávamos no pavilhão." Correndo a informação de que se trataria de uma vingança por parte de adeptos isolados, após a contratação do uruguaio Rodriguez , curiosamente o líder dos Superdragões demarcou-se: "Olhe, não somos polícias.Não vimos nada, por isso não imaginámos o que se passou e quem foi. Só o motorista disse ter visto três pessoas, mas como não vestiam à Benfica, há um mistério que a polícia tem de desvendar. Eu só providenciei para a agência arranjar outro autocarro".

    ResponderEliminar